Pessoas que fazem parte da equipe de resgate estão fazendo de tudo para poder ir até os locais que foram atingidos pelo #Terremoto, que aconteceu no Paquistão e no Afeganistão. Essa tragédia, já tem mais de 310 pessoas mortas e os feridos já chegaram a 2.000. As equipes de resgate estão utilizando helicópteros, para levar o material necessário, e também fazer o abastecimento, já que muitas pontes caíram e algumas estradas estão impossibilitadas de trafegar, pois ocorreram deslizamentos de terra. No Paquistão, o número de mortos, já chega a 237 e no Afeganistão a 74, conforme informou as autoridades locais.

O abalo foi de amplitude 7.5, e o epicentro foi nas montanhas, em Hindu Kush que está localizada no Himalaia.

Publicidade
Publicidade

A montanha fica na divisa do Paquistão, Afeganistão, Tajiquiestão e China. Shah Waliullah Adeeb, que é governador de Badakhshan, falou:

''Estamos cientes que o números de pessoas mortas vai aumentar, pois ainda tem locais que as equipes de resgates ainda não chegaram. Mais de 1.500 imóveis foram destruídos ou sofreram danos''.

O presidente dos Estados Unidos (Barack Obama) está prestando total apoio, com suas bases militares que ficam no Afeganistão. Josh Earnest (porta-voz da Casa Branca), disse:

''Estamos prontos para qualquer tipo de apoio, tanto para o Afeganistão, quanto para o Paquistão. Fomos informados que o Paquistão irá utilizar seus próprios recursos para o resgate e o tratamento do feridos, com isso não irão pedir ajuda internacional''.

Locais atingidos

Badakhshan (Afeganistão) é um local onde a pobreza está muito presente, e os terremotos são frequentes na região, porém como a população não é muito alta, é reduzido o número de pessoas que são atingidas.

Publicidade

Não chega a 950 mil o número de habitantes, que moram nas montanhas. Outros fenômenos (deslizamentos de terra, tempestades de neve e muitas vezes até inundações), também fazem parte da vida dos moradores.

No Vale do Swate (Paquistão), e nas proximidades de Dir, Malankand e Shangla, o terremoto deixou um rastro de destruição. Em Chitral (cidade mais perto do epicentro), muitas famílias ficaram com suas casas danificadas. #Natureza