Andando pela rua, de dois em dois, calça preta, camisa branca e gravata, com uma plaqueta exposta, e as moças de saias ou vestidos. Você já deve ter encontrado algum desses missionários andando por aí.

Os jovens, atualmente a partir de 18 anos para rapazes, ou 19 anos para as moças, que cumprem as diretrizes estabelecidas pela #Igreja, podem voluntariamente servir como missionários de tempo integral durante 24 meses (homens) ou 18 meses (mulheres).

Geralmente, eles são designados a servir longe de casa, em uma área geográfica delimitada chamada por eles de "missão". No Brasil, existe missões em quase todos estados, como: Rio Janeiro, São Paulo, Minas Gerais e Pernambuco, podendo ter mais de um no mesmo estado, e vários outros espalhados pelo mundo.

Publicidade
Publicidade

Até o fim de 2014, existiam 406 missões no mundo, e 85.147 missionários de tempo integral. As missões são presididas por um casal, que serve pelo período de 3 anos, e são como os "pais" desses jovens nesse período longe de casa.

Mas o que fazem esse jovens? Eles vão para missão com o principal propósito de "convidar as pessoas a achegarem-se a Cristo, ajudando-as a receber o evangelho restaurado por meio da fé em Jesus Cristo e em sua Expiação, do arrependimento, do batismo, de se receber o dom do Espírito Santo e de perseverar até o fim".

Os jovens missionários mórmons ajudam as pessoas a conhecerem como o evangelho abençoa as famílias, e ensinam a importante mensagem da restauração, que inclui o ensinamento que "somos todos filhos de Deus", que "Jesus Cristo é nosso Salvador", e parte central do plano de salvação, e que, por meio de um profeta moderno, "Deus restaurou o conhecimento do plano de salvação", que se cumpre "ao vivermos os princípios" (como Fé no Senhor Jesus Cristo, arrependimento) e "ordenanças" (como batismo e recebimento do dom do Espírito Santo).

Publicidade

Uma ferramenta importante que eles apresentam é o Livro de Mórmon, outro testamento de Jesus Cristo, o qual contém a promessa de que, quem ler com fé e perguntar a Deus sinceramente sobre sua veracidade, terá essa resposta. O livro de Mórmon é um volume de escrituras sagradas comparável a Bíblia. Não é a bíblia dos mórmons como muitos erroneamente pensam. Eles usam a bíblia e o Livro de Mórmon, que contém a plenitude do evangelho eterno.

Isso é o que esses jovens fazem. Mais informações podem ser obtidas com os mesmos nas ruas ou no site e páginas oficiais da igreja. #Curiosidades #Religião