O Estado Islâmico continua espalhando o terror pelo mundo e novamente o grupo mira os Estados Unidos e divulga um vídeo com ameaça de atacar a cidade de Nova York.

O vídeo traz um homem-bomba em plena rua da cidade americana, porém as autoridades de lá garantem que não há nenhuma ameaça concreta para ter medo.

A capital americana, Washington, já havia sido ameaçada pelo EI e agora é a vez de Nova York se preocupar. A maior preocupação agora do Governo americano é manter a população calma e que o vídeo mostrado não apresenta nenhuma novidade e que o grupo até reaproveitou antigas imagens de um outro vídeo já antes divulgado.

Publicidade
Publicidade

O vídeo divulgado pelos terroristas mostra também o presidente da França, François Hollande fazendo um discurso, em seguida tem alguns depoimentos de terroristas e já no final aparece um dos membros do grupo utilizando um cinto com várias bombas por baixo de sua roupa.

O terrorista sai andando pelas ruas de Nova York sem nenhum problema, provando o quanto é fácil para o #Estado Islâmico cometer um novo ato terrorista em uma das principais cidades do mundo.

Essa tática do grupo terrorista é antiga, sempre que eles cometem algum ato como o da França, divulgam vídeos para instalar o caos em outras cidades pelo mundo, tentando intimidar as autoridades e deixar a população em pânico, o que favorece a eles.

Quando houve o atentado em Paris, na última sexta-feira, o Governo americano reforçou a segurança em Nova York e o policiamento está por toda a cidade e a população tenta levar uma vida normal.

Publicidade

Bill de Blasio, prefeito de Nova York, fez um pronunciamento pedindo a todos os novaiorquinos que não se deixem intimidar e que fiquem atentos a qualquer ato suspeito, informando imediatamente as autoridades, mas sem precisar viver em pânico e trancados dentro de casa.

Barack Obama, presidente dos Estados Unidos, disse que esta guerra não vai ter enfim, enquanto Bashar Al-Assad estiver no poder da Síria. Obama está nas Filipinas, mas atento a tudo que vem acontecendo. #Terrorismo #Ataque