Há uns 10 anos atrás, um grupo de astrônomos americanos reuniu-se em frente ao Congresso americano e começaram a discutir sobre a possibilidade de vida extraterrestre. Segundo o que foi proposto na época, com o tamanho do Universo e cerca de trilhões de estrelas no cosmos, é bem provável que de uma a cada cinco estrelas, possam abrigar um planeta semelhante ao da Terra.

Segundo estes astrônomos, o número de planetas habitáveis no Universo gira em torno de dezenas de bilhões fora as Luas. E segundo eles, ainda há um número de galáxias maior do que a nossa. Isto é algo surpreendente, resume Seth Shostak, astrônomo do instituto SETI da Califórnia.

Publicidade
Publicidade

Em entrevista para um site americano, ele afirma acreditar que existe vida inteligente fora da Terra. E que em breve todo mundo ficará ciente das provas.

Segundo o astrônomo, a Agência Espacial Americana (NASA), tem planos para preparar a sociedade mundial para um possível contato com seres extraterrestres. E juntamente com a Biblioteca do Congresso Americano, a Agência pretende reunir-se com cientistas, filósofos, teólogos e historiadores do mundo inteiro, para discutir como preparar a humanidade para um possível contato com civilizações de outros planetas.

Enquanto isso, os astrônomos do CETI observam o cosmos em busca de uma solução para descobrir o que seria aquela mega estrutura gigante orbitando ao redor de uma estrela, há centenas de anos da Terra. A estrutura teria sido vista do telescópio Kepler e está deixando os cientistas intrigados.

Publicidade

De acordo com a NASA e os astrônomos do CETI, aquela estrutura não se iguala a nada visto até o presente momento.

De acordo com o astrônomo, Tabetha Boyajian da Universidade de Yale, ele nunca tinha visto nada com esta estrela. Ele acredita que o fenômeno poderia ser uma nave orbitando ao redor da estrela. Mas primeiro pretende observar melhor o fenômeno para tirar sua conclusão. Já seu colega de observatório, Jason Wright, astrônomo da Universidade Estadual da Pensilvânia, acredita que esta estrutura ou mega estrutura foi construída por uma civilização extraterrestre altamente avançada.

De acordo com Edgar Mitchell, ex-astronauta da missão Apollo 14 e fundador do instituto de Ciências Noéticas, ''Encontrar vida inteligente fora da Terra, não é mais uma questão de possibilidade. Mas sim uma questão de tempo". E o seu colega, Guy Consolmagno partilha da mesma opinião. E pede para que a sociedade em geral não se surpreenda para a hora em que os cientistas confirmarem a existência de vida inteligente em outros planetas. Tudo porque este assunto virá a tona de forma inevitável. E os governos não conseguirão mais esconder a verdade do público em geral. #Entretenimento #Curiosidades