Hoje no Peru houve um #Terremoto de magnitude 7.1, com epicentro na Amazônia, na zona de fronteira com o Brasil, causando alarme na população, informaram as autoridades, sem relatar vítimas ou danos. O tremor foi muito fundo, em média de 560 km abaixo do solo da Terra, em uma área florestal na Amazônia e, por isso, seria improvável causar muitos danos ou gerar vítimas.

Segundo a imprensa peruana, o terremoto ocorreu às 17h45 local (20h45 de Brasília) e foi percebido nas cidades de Cuzco, Tacna, Pucallpa e Arequipa, e também no norte do Chile e da Bolívia. Também foi sentido na cidade de Santa Rosa do Purus, na fronteira entre Brasil e Peru, e também em diversos pontos de Manaus.

Publicidade
Publicidade

De acordo com o tenente Janderson Lopes, do Corpo de Bombeiros, chamadas em diversos pontos de Manaus estão sendo atendidas neste início de noite. Na Faculdade Martha Falcão, os alunos saíram das salas de aulas e ficaram no pátio. "Tremeu muito. Ficamos assustados. As cadeiras saíram do lugar. Em uma sala o quadro caiu e as pessoas ficaram desesperadas", relata o universitário Davi Alves.

No prédio Portal da Cidade, localizado na Avenida André Araújo, na zona centro-sul de Manaus, os moradores desceram assustados com o tremor de terra. Dono de um apartamento no décimo andar, o arquiteto Sergio Johan kheizer, 53, disse que estava brincando com o neto quando sentiu tudo tremer. "Pedi para ele ficar debaixo da cama e eu e minha mulher fomos verificar o que aconteceu. Foi aí que vimos que todos estavam descendo as escadas e minutos depois a segurança pediu para que a gente descesse", afirmou.

Publicidade

Segundo o professor George Sand França, do Observatório Sismológico da Universidade de Brasília (OBSIS), o tremor sentido em Manaus trata-se de um "reflexo de terremoto distante. Como ocorreu a 560 km de profundidade acaba sendo sentido em outras regiões".

Modelos de impacto sísmicos mostram que o terremoto poderia ter tido intensidades até VII na escala de Mercalli. Por ter epicentro em terra, um alerta de tsunami foi descartado. #Amazonas #É Manchete!