O ministro da Segurança Provincial (Maximiliano Pullaroa) anunciou hoje, dia 25, na rede social Twitter que foi encontrado o corpo de uma criança de apenas 4 anos já sem vida dentro de um ribeiro (ribeiro Saladillo) que se localiza  muito perto da Villa Gobernador Gálvez na Argentina. 

O jovem de apenas três anos já era procurado desde terça-feira, dia 22, pelas autoridades locais. Segundo os dados recolhidos pela polícia, a criança caiu no ribeiro Saladillo que é muito perto da sua residência e acabou por morrer afogado porque foi arrastado pela corrente. 

A Argentina tem estado em alerta vermelho de mau tempo. As cheias que aconteceram nestes últimos dias no noroeste da Argentina levaram à retirada de mais de vinte mil pessoas das suas próprias habitações que ficaram cheias de água e muitas ficaram mesmo destruídas. Muitas destas pessoas que foram retiradas das suas próprias casas estão vivendo agora provisoriamente até que a situação se resolva em muitas escolas e ginásios longe das zonas que estão em risco de cheias.

Publicidade
Publicidade

Estas cheias aconteceram porque o caudal do rio Uruguai, Paraná e também Paraguai tem subido muito nestes últimos dias. Por exemplo, o rio Uruguai atingiu os dez metros e quarenta e um centímetros, valores nunca antes vistos. No Brasil e em muitos outros países do continente americano as cheias levaram também à retirada de mais de 6500 pessoas das suas habitações porque as chuvas foram muito fortes e o caudal do rio Quaraí também subiu. 

De acordo com os dados analisados pela polícia, as cidades que foram mais afetadas pelas chuvas e ventos fortes foram Quaraí e Uruguaiana (estado do Rio Grande do Sul) porque as câmaras municipais foram obrigadas a anunciar um estado de emergência e também precisam do apoio e auxílio das autoridades regionais mais também nacionais.

No dia 23 de dezembro, quarta-feira, outra criança de 13 anos também morreu porque foi tocar num cabo de alta tensão que tinha caído devido às chuvas e ventos fortes na cidade de Corrientes.  #Mudança do Clima #Chuvas Torrenciais