Zaevion Willian Dobson, 15, morreu ao pular em frente de três garotas com intuito de protegê-las de um tiroteio de gangue. O Departamento de Polícia de Knoxville acredita que os três homens que dispararam para um grupo de crianças preparavam-se para celebrar as férias.

Dobson estava com alguns amigos esta sexta-feira, ao norte da vizinhança de Knoxville, quando o grupo de homens se aproximou e começou a disparar aleatoriamente contra a multidão.

Seu irmão Zach contou que eles estavam sentados em uma varanda após às 22:00 quando viram um grupo de homens andarem em sua direção.

Dobson pulou em frente das garotas para protegê-las.

Publicidade
Publicidade

Ele foi o único atingido.

David Rausch, chefe de polícia de Knoxville, disse que a #Violência começou quando Lisa Perry, 46, foi baleada dentro de seu apartamento.

Rausch disse que Brandon Perry, 23, filho de Lisa, e diversos outros homens dirigiram-se à vizinhança e “dispararam aleatoriamente diversas vezes”* em uma retaliação por um derramamento de sangue anterior.

Brandon Perry foi encontrado depois de ter sido baleado após bater o carro em outro apartamento. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu nesta manhã de sexta-feira.

Dois outros homens que se evadiram do acidente foram presos, embora um foi liberado após interrogatório.

Chistopher D. Basset, 20, foi acusado e condenado por porte de arma e violação de condicional, disseram as autoridades.

Futuras acusações podem ser adicionadas.

Publicidade

Basset está detido sem direito à fiança, disseram os policiais.

“Esses atos insensíveis de covardia devem parar,”* disse Rausch. “Nós deveríamos estar preparando para celebrar o Natal, mas agora temos dois homens mortos.”*

Raush disse que os investigadores pensam que os tiroteios estejam relacionados a gangues, mas ele disse que não parece ser um motivo para alvejar Zaevion.

“Infelizmente eles pegaram um grupo aleatório de jovens garotos e garotas que estavam saindo, tentando se preparar para o feriado,”* disse ele.

Zaevion era estudante do segundo ano na Fulton High School, região norte de Knoxville.

“Ele realmente era uma de nossas histórias de sucesso,” disse Madeline Rogero, prefeita de Knoxville. “Esportista, um aprendiz de umas de nossas organizações na cidade. Mas mesmo assim ele é vítima disso.”*

Rob Black, treinador do time de Fulton, considerava-o um “bom, bom rapaz.”*

*Em tradução livre #Futebol