A maré está para peixe? Na Áustria ela está para dinheiro, mais especificamente para €100 mil. Um garoto austríaco achou a quantia em notas de €100 e €500, boiando no Danúbio. Sem pensar duas vezes, o menino saltou no rio para resgatar a fortuna, causando pânico nas pessoas que acharam que ele estava cometendo suicídio. Preocupada com a curiosa situação, a população local chamou a polícia.

As notas estavam todas soltas no leito do rio, sendo que algumas já haviam afundado. Boa parte do dinheiro foi resgatado na região mais rasa do Danúbio e sem rastros de sua origem. Para facilitar a pescaria dos €100 mil, a polícia local utilizou uma rede de pesca simples, que capturou boa parte da quantia.

Publicidade
Publicidade

Já as notas que não caíram na rede, precisaram ser pescadas, literalmente, com a mão.

Rapidamente, a história da fortuna boiando no rio se espalhou pela cidade e atraiu dezenas de curiosos ao local. Após alguns minutos o público se dispersou e começou a 'segunda parte' desta curiosa situação, quem encontrou o dinheiro: o garoto ou a polícia? O garoto afirma que é o responsável por encontrar as notas, mas a polícia afirma que eles que recolheram a maior parte do valor. Afinal, quem ficará com o dinheiro?

Inicialmente, a polícia local acreditou que o dinheiro fosse falso, mas após uma rápida averiguação constatou-se que as notas de euro eram verdadeiras. No momento, eles investigam a origem do dinheiro, pois não foi realizado nenhuma ocorrência por perda ou roubo em valores próximos ao encontrado no Danúbio.

Publicidade

A polícia acredita que as notas foram furtadas de algum lugar e durante a fuga, os criminosos jogaram todo o dinheiro no Rio Danúbio, que carregou as notas até a região de Viena.

Na Áustria, qualquer cidadão que encontre dinheiro perdido e entregue a polícia terá direito a ficar com uma porcentagem do valor localizado, variando entre 5% e 10%. Já se os donos não forem encontrados em até 12 meses, quem achou o dinheiro ficará com toda a quantia. A expectativa do garoto é que o Natal de 2016 seja mais gordo, caso o dono do dinheiro não vá buscá-lo! #Curiosidades #Europa #União Europeia