Uma má colocação de uma ferramenta de #Trabalho fez com que um imigrante português morresse completamente esmagado por sua viatura, enquanto a estava reparando. Segundo informa o jornal “Correio da Manhã”, Francisco Xavier Barbosa, um imigrante português que vive na França, de 62 anos, teria calculado mal a colocação de seu macaco, ferramenta que consegue elevar as viaturas para serem reparadas, fazendo com que sua viatura caísse em cima dele. Seus vizinhos chamaram rapidamente as autoridades, mas, mesmo tendo aguentado durante algum tempo com os ferimentos, Francisco Barbosa acabou morrendo de uma forma trágica.

Mecânico de profissão, Francisco Barbosa já teria feito muitas vezes consertos que exigiam que ficasse embaixo de viaturas, inclusive na França, porém bastou apenas uma pequena desatenção para que sua vida fosse retirada por sua própria viatura, em plena luz do dia.

Publicidade
Publicidade

Segundo os relatos de seus vizinhos e de testemunhas no local, o imigrante português teria sido vítima de uma simples má colocação de seu macaco.

Como afirma o jornal “Correio da Manhã”, nem a chegada rápida das ambulâncias e dos bombeiros foi suficiente para salvar a vida de Francisco Barbosa, que estava festejando essa época natalícia junto de seus familiares e amigos. Apesar de não ter morrido imediatamente, o mecânico não conseguiu aguentar seus graves ferimentos, depois de ter sido completamente esmagado, não chegando sequer ao hospital. As autoridades declararam o óbito no próprio local da tragédia, mesmo tendo chegado a tempo de ver o imigrante com vida.

Na verdade, tanto imigrantes portugueses como imigrantes brasileiros têm sofrido muito com a falta de condições de segurança que por vezes têm em seus locais de trabalho.

Publicidade

Seja na profissão de mecânico, como também na construção civil, esse problema é sempre muito discutido em países como França e Suíça, dois dos que mais recebem estrangeiros que saem de seus países para procurarem uma vida digna, mas que por vezes sofrem acidentes graves de trabalho por falta de condições básica em seus postos de trabalho. #Europa