O Estado Islâmico mais uma vez divulga imagens que chocam o mundo. Desta vez os jhiadistas mostram através de um vídeo crianças executando prisioneiros na Síria. Segundo o Jornal Extra, o vídeo denominado "Para os filhos dos judeus", foi divulgado na internet pelo grupo conhecido como Al-Khayr Province, intitulado como filial do Estado Islâmico, que fica localizado na fronteira Síria-Iraque.

Barbárie sem fim 

No mais recente vídeo divulgado pelo EI, aparecem crianças executando prisioneiros na Síria. Seis meninos são escolhidos entre dezenas de outras crianças para executar membros das forças de segurança sírias que foram capturados pelos radicais islâmicos.

Publicidade
Publicidade

Nas imagens é possível ver que cinco dos prisioneiros são fuzilados enquanto um foi decapitado pelos pequenos combatentes do Estado Islâmico. O vídeo também mostra dezenas de crianças recebendo aulas de defesa pessoal e sendo doutrinadas através da leitura das escrituras sagradas do Islã. 

Não é a primeira vez que os jhiadistas divulgam vídeos e imagens com crianças cometendo tais barbaridades. Recentemente uma outra imagem chocou o mundo, quando uma criança que aparentemente tinha menos de um ano de idade, aparece chutando a cabeça decapitada de um prisioneiro.

O Estado Islâmico usa a internet para disseminar a violência, recrutar e ameaçar

Já não é novidade o uso da internet pelo EI para disseminar sua barbárie. Além dos vídeos que mostram a execução covarde de prisioneiros, é também através da rede que eles conseguem recrutar jovens em todo o mundo e fazer ameças as nações consideradas inimigas pelos jhiadistas.

Publicidade

No último dia 25 de novembro, o Estado Islâmico divulgou um vídeo fazendo novas ameaças aos Estados Unidos e aos sessenta países que também atuam contra o EI. Neste vídeo os radicias denominam a união destas nações contra o terror como a "Coalizão do Cão". 

Os terroristas ironizam e provocam os EUA, afirmando que possuem o maior exercito do mundo. Que estão a caça dos soldados americanos e que o medo de serem capturados é tão grande que "dezoito soldados americanos suicidam todos os dias". 

Os jhiadistas ainda afirmam que tem sob seu domínio um território maior que o Reino Unido e trinta vezes maior que o Qatar, mostrando assim o aumento e fortalecimento do Estado Islâmico.

Os terroristas terminam o vídeo dizendo, " Traga-o. Reúna seus aliados. O nosso aliado é o maior. Ele é Deus e toda a glória vai para ele". Em seguida proclamam trechos do Alcorão. #Terrorismo #Violência #É Manchete!