Uma situação muito inusitada aconteceu na segunda-feira (4), no Vaticano, em Roma, tendo como protagonista um brasileiro, que entrou nu na Basílica de São Pedro e foi contido por seguranças. Tudo indicava ser um dia normal, de visitação, mas o ocorrido assustou os visitantes. Não havia nenhuma cerimônia na Igreja no momento, mas o local estava lotado de turistas.

De acordo com o jornal italiano Corriere Della Sera, o brasileiro parecia muito desorientado, então o encaminharam para um hospital, para avaliação. Há um vídeo disponível no YouTube, gravado por um turista (veja o vídeo no final do texto), que mostra o momento do incidente.

Publicidade
Publicidade

Ele desfilou nu pela Basílica, apenas de tênis, meia e carregando uma mochila, e bastante alterado gritava sobre não haver solidariedade em Roma e que esperou por 17 anos para conseguir a cidadania italiana.

O homem caminhou nu por toda a nave da Basílica e foi até o Baldaquino, sobre o Altar Papal, quando foi contido pelos seguranças e foi coberto com um casaco. Segundo informações dadas pelo jornal, ele é paulista, é enfermeiro e tem 44 anos. Informaram ainda que ele chegou em Roma há alguns dias e que precisou dormir na rua.

A Agência Ansa informou que se chegou a pensar que ele fosse um sem-teto e o padre Ciro Benedettini, vice-diretor de imprensa da Santa Sé, comunicou que ele está internado em uma ala psiquiátrica.

Quem é o brasileiro que invadiu a Basílica de São Pedro

Foi identificado o brasileiro de 44 anos que ficou sem roupa na Basílica de São Pedro, em protesto, ele se chama Luis Carlos Giampaoli, autodenominado em seu perfil do Facebook como "Luis Carlos Cherubino" ("querubim" em italiano).

Publicidade

Em seu perfil na rede social, Giampaoli tem fotos do Santuário de Nossa Senhora Aparecida e também imagens suas usando uma fantasia de cardeal.

Até o momento as informações dão conta de que ele continua internado na ala psiquiátrica de um hospital vizinho.

#Curiosidades