Segundo uma reportagem do canal de notícias RT (Russia Today), a CNN turca será alvo de investigação no país depois de uma notícia publicada com o título “’Ditador’ a prova”, se referindo ao presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan. A notícia foi publicada depois de uma divergência entre o presidente do país e o líder da oposição, Kemal Kilicdaroglu, do Partido Popular Republicano. A queixa contra a CNN foi registrada e os acusadores pedem uma indenização por insulto contra o presidente. O próximo passo do processo será realizado na corte de justiça do país.

O Presidente Recep Tayyip Erdogan

Erdogan é um muçulmano, de origem humilde.

Publicidade
Publicidade

Se formou em Economia pela universidade de Istambul, tendo sido primeiro-ministro da Turquia entre 2003 e 2014. Em 2005 e 2010, Erdogan teve o seu nome foi incluído como uma das pessoas mais influentes do mundo, segundo a revista ‘Time’.

Em agosto de 2014 se tornou presidente da Turquia. Tem sido acusado de ser autoritário e atentar contra a liberdade de expressão. Por inúmeras vezes tentou bloquear as redes sociais, como o Facebook, o Twitter e também o Youtube, alegando desobediência por partes das redes em remover links que o comprometiam.

Em 2013, a mando dele, a polícia reprimiu manifestações contra o seu #Governo em Istambul e em outras regiões da Turquia. No mês de março do ano de 2014, foram publicadas na rede mundial de internet gravações em que o presidente falava em transferências de grandes valores de dinheiro, e de suposto tráfico de influência e interferência em decisões judiciais.

Publicidade

Por outro lado, a União Europeia considerou que avanços significativos foram realizados durante o seu governo no país.

A Rede CNN

A CNN (Cable News Network) é uma rede mundial de #Televisão, surgida em 1980 nos Estados Unidos. O canal transmite informações 24h, sete dias por semana, e cobre notícias de praticamente todo o mundo. A CNN possui sedes em Atlanta e Nova Iorque e escritórios em Abu Dhabi (Oriente Médio), Londres (Europa) e Hong Kong (Ásia).

Além das notícias transmitidas em Inglês, a rede possui canais de notícias transmitem em Espanhol, Italiano, Turco, Indiano e Japonês.