Uma nova onda de ataques com franco-atiradores, ataques suicidas e bombas contra tropa iraquiana provoca chacina próximo à cidade de Ramadi, no Iraque.

Os ataques realizados pelo ISIS (#Estado Islâmico do Iraque e da Síria), foram feitos com carros-bomba, nesta quinta-feira (28) por volta das 11h, horário local. Com quatro carros suicidas, sendo que dois conseguiram escapar de ataques aéreos feitos pelos EUA.

Entretanto, os outros dois carros conseguiram furar os portões de uma sede da divisão do exército iraquiano em al-Ramadi Thirthar, causando mais de 30 mortes.

Aos menos 17 soldados iraquianos foram mortos, incluindo sete oficiais, houve 46 feridos. Em um outro local da cidade outros 15 soldados foram mortos e 20 feridos.

Publicidade
Publicidade

Ramadi é capital da província de Anbar. Em maio do ano passado o ISIS conseguiu tomar a cidade, mas em dezembro o exército iraquiano conseguiu retomar o controle. Desde então, tanto o exército quanto os terroristas brigam pela cidade.

Últimos ataques

Iraque – Ramadi

O último #Ataque do grupo ocorreu também no Oeste de Ramadi, no último dia 26. Um ataque suicida com dois carros-bomba deixou ao menos 55 soldados iraquianos mortos nas imediações de Ramadi, no Iraque. O ataque foi atribuído ao ISIS.

O primeiro ataque ocorreu na manhã de terça-feira, vários carros-bomba suicidas usaram como alvo a sede do exército iraquiano no Norte de Ramadi, e 30 soldados pró-governo morreram.

A força de segurança do Iraque parou com as operações nas redondezas de Ramadi. O motivo foi a descoberta que o ISIS estava utilizando civis como escudos humanos durante as operações.

Publicidade

Ao meio dia, dezenas de carros-bomba atingiram o quartel do Exército iraquiano na cidade de al-Baghdadi, deixando mais 25 pessoas mortas.

O ataque ocorreu depois de forças iraquianas terem encontrado uma cova com mais de 40 corpos, entre eles mulheres e crianças, próximo à Ramadi.

Síria – Homs

Na última terça-feira (26), na cidade síria de Homs, um ataque matou ao menos 20 pessoas. O governo local informou que um carro bomba e um ataque suicida provocou “múltiplas” explosões. #Terrorismo