A adolescente Jemma-Louise, de 13 anos, morreu por choque tóxico, que segundo os médicos que a atenderam, foi causado  por uma infecção causada pelo uso de absorventes íntimos. O caso aconteceu em setembro do ano passado, na Inglaterra, e chamou a atenção de muitos pais que possuem filhas na mesma idade da menina. O episódio foi suficiente para que a família pudesse levantar fundos para uma campanha de conscientização sobre os perigos da infecção e do uso correto do acessório feminino.

Os primeiros sintomas

Jemma começou a sentir os primeiros sintomas quando estava de férias com a família. Aparentemente, tudo foi confundido com uma dor estomacal. 

A piora do estado de saúde da adolescente

Com o passar do dias, a saúde da adolescente foi piorando, o que motivou a família a levá-la a um #Hospital.

Publicidade
Publicidade

Após os  exames, foi levantada a suspeita de que poderia ser por causa do uso dos absorventes por parte de Jemma. A menina era atleta de natação e havia participado de competições dias antes. Por causa das provas, a adolescente optou por usar absorventes íntimos que são usados internamente.

Após uma semana, Jemma veio a falecer, vítima de hemorragia cerebral, enquanto permanecia internada para tratamento. Exames feitos após a colheita de sangue da garota mostraram uma grande quantidade de bactérias do tipo estafilococus. Os médicos puderam confirmar que a mesma havia contraído a infecção pelo uso do absorvente interno. Ela apresentou um quadro raro chamado de síndrome do choque tóxico.

Após o episódio, os pais de Jemma iniciaram uma campanha para conscientizar outras famílias a respeito do uso indevido deste tipo de absorvente.

Publicidade

Eles estão levantando fundos a fim de ajudar o Hospital Alder Hey Children's aonde Jemma foi tratada.O desejo de ambos é que outras adolescentes possam também ser salvas do mesmo quadro que matou a filha.

As autoridades de saúde dos Estados Unidos se pronunciaram quanto ao uso deste tipo de absorvente. Segundo os mesmos, estes acessórios apresentam uma segurança quanto ao uso, entretanto, consideram que é elevada a possibilidade de contrair infecções, quando usados por períodos prolongados.

Para quem usa este tipo de absorvente, recomenda-se não utilizá-lo por períodos que não ultrapassem um tempo de seis horas. Além disto, recomenda-se usar os tipos que possuem baixa absorção e caso estejam apresentando algum sintoma  como mal estar, algum tipo de reação alérgica, febre alta ou outro qualquer, devem interromper o seu uso e procurar imediatamente uma orientação médica.  #Curiosidades #Doença