O #Estado Islâmico revelou no seu novo vídeo a zona de Portugal e também de Espanha, onde tenciona matar em possíveis atentados futuros. Assim como divulgou o canal da “RTP”, o vídeo, que foi disponibilizado pela “France Presse”, mostra uma zona totalmente avermelhada, possivelmente com sangue, na zona norte da Península Ibérica. Essa manifestação de interesse nessa zona geográfica na #Europa já não é uma novidade por parte do maior grupo terrorista, que em outros artigos nas suas revistas já demonstraram um interesse especial em Portugal e também na Espanha.

Como havia sido sugerido em agosto passado por uma das publicações oficiais do Estado Islâmico, Portugal é um possível alvo dos jihadistas por uma série de razões históricas e estratégicas.

Publicidade
Publicidade

Além de Portugal ter tido um passado também associado aos muçulmanos, a posição geográfica do país seria vista como ideal para os terroristas, que tem a intenção de conseguir dominar a Europa até ao ano de 2020.

Agora, em um vídeo divulgado pela agência noticiosa “France Presse”, o Estado Islâmico mostrou em um vídeo a imagem de Portugal “se sujando de sangue”, claramente dando a entender que o Estado Islâmico pretende atacar na zona norte de Portugal, tal como uma boa parte de Espanha, que tem conseguido detectar a presença de dezenas de possíveis terroristas em seu território nos últimos meses de intensa investigações.

Como garante o canal da “RTP”, Portugal pertence a uma lista de 60 países divulgada recentemente pelo Estado Islâmico, que revela quais são os alvos prioritários do maior grupo terrorista do mundo.

Publicidade

Ainda assim, a Inteligência europeia e as autoridades internacionais garantem que o Reino Unido e França continuam sendo os países que correm o risco mais elevado de sofrerem um atentado terrorista. Além de sua presença na Guerra na Síria, com os constantes bombardeios, a presença de possíveis infiltrados jihadistas nesses países é muito forte e por isso a ameaça é também muito elevada para esses dois países, que representam o coração da Europa. #Terrorismo