De acordo com um grupo de cientistas que elaborou o relatório do incidente ocorrido no último dia (28), agora só resta saber se há a possibilidade de que os sons explosivos sejam decorrentes de explosões de algum meteoro. Ao todo foram registrados mais de 10 ruídos sonoros semelhantes ao de uma explosão e todos foram reportados na última quinta-feira (28), ao longo da costa leste de Long Island e ao sul de Nova Jersey.

O caso é semelhante ao ocorrido na cidade de São Tomé das Letras, estado de Minas Gerais, no último dia 18 de janeiro, segundo testemunhas, por volta das 15:45 daquele dia. Um estranho ruído no céu semelhante a uma explosão foi ouvido sobre os céus da cidade, e moradores do local afirmam que o barulho durou aproximadamente cinco minutos.

Publicidade
Publicidade

Em Nova Jersey, testemunhas afirmam que o primeiro estrondo ocorreu por volta das 13:24 no horário local, cerca de 3 quilômetros ao norte da cidade de Hammonton e cerca de 60 quilômetros ao sul da cidade de Trenton. Após uma hora e meia, os sismógrafos da USGS (Centro Nacional de Informações sobre Terremotos) de Nova Jersey, captaram mais nove estrondos sônicos espalhados ao longo da costa leste, até Long Island.

Em nota, a USGS alegou que os seus pesquisadores não têm informação a não ser dos ruídos sonoros detectados pelos sismógrafos, uma vez que na região não foi detectado nenhum abalo sísmico. John Bellini, um geofísico do USGS, explica que o ruído de uma explosão ocorre quando um determinado objeto, ou o som de uma explosão, viaja mais rápido do que a velocidade do som, aproximadamente 761,2 mph, ou seja 1225 km/h, ao nível do mar.

Publicidade

Para ele, as causas dos estrondos sônicos permanecem um mistério, mas afirma que se um explosão tivesse causado os supostos estrondos alguém teria visto.

As autoridades norte-americanas descartaram o barulho das explosões associadas aos lançamentos de Wallops Flight Facility da NASA em Wallops Island, uma vez que a Agência Espacial Americana costuma realizar lançamentos destes pequenos foguetes em voos de testes. O site da NASA informou que nenhum lançamento de foguetes ou voos experimentais ocorreram no Centro da Nasa naquele dia. 

Em nota, a Administração de Aviação Federal dos Estados Unidos e do Comando de Defesa Aeroespacial da América do Norte confirmaram que naquele dia não tinham qualquer aeronave operando nas proximidades daquela região e não sabe explicar o que poderia ter gerado os estrondos sonoros.

A Polícia de Barnegat, publicou um alerta geral em sua página da internet reconhecendo os misteriosos estrondos. “Estamos investigando se a ocorrência está associada a uma atividade sísmica”, disse o alerta.

Publicidade

Vamos informar a população assim que tivermos mais detalhes do ocorrido.

Os demais departamentos de polícia no condado de Ocean, bem como o Gabinete do Xerife do Condado de Ocean, afirmaram estar cientes dos estrondos, mas informaram aos moradores das regiões próximas para que evitem ligar para o 911, tudo para evitar um congestionamento nas linhas telefônicas da polícia. Em Brick, os estrondos puderam ser sentidos a cada 5 minutos a partir das 13:30, e só começarem a diminuir por volta das 14:40.  

O sargento Neal Pederen, em entrevista, disse que não sabia o que estava causando os misteriosos ruídos sonoros. Sendo assim, a polícia não pode fundamentar um relatório no qual afirmava que os estrondos tratavam-se de um terremoto. #Entretenimento #Curiosidades