A estação de energia de Didcot em Oxfordshire, no Reino Unido, sofreu uma grande explosão nesta terça-feira (23), por volta do 12h (horário de Brasília), causando a morte de uma pessoa, mais cinco feridas e outras três desaparecidas. Equipes de buscas foram imediatamente enviadas ao local e chegaram rapidamente onde haviam pessoas assustadas com o enorme barulho e a nuvem de fumaça que cobria uma significativa extensão do entorno da estação. As informações sobre a tragédia ainda são poucas, as autoridades ainda não se posicionaram sobre o quê poderia ter causado o incidente.

Um funcionário do sindicato municipal dos caldeiros, GMB, disse que "Eles estavam se preparando duas caldeiras para demolição, que se acredita ter causado a explosão", de acordo com o Jornal The Independent.

Publicidade
Publicidade

As equipes de salvamento com cães farejadores estão no local tentando encontrar os funcionários que se encontram desaparecidos, os feridos foram imediatamente levados, com o apoio do serviço de Ambulância do NHS Inglaterra do Sul, para os hospitais da Universidade de Oxford, declarou o porta-voz do NHS Inglaterra do Sul, mas não se sabe ainda ao certo se com ferimentos graves, conforme informou o Portal de Notícias Online Oxford Mail.

Pessoas que transitavam pelo local relataram que ouviram um grande estrondo e logo após fumaça para todo lado. Um jovem que passava por ali relatou ao Oxford Mail que ouvira um grande "bang" que durou uns 10 segundos e se espantou, perguntou ao amigo o que havia acontecido, quando correu para pegar a mãe e viu várias pessoas que estavam olhando o local do desabamento.

Publicidade

Ainda acrescentou que a tragédia foi pior do que estava sendo relatada pelo referido jornal, isto é, metade do prédio veio abaixo, as três torres haviam explodido, contou o jovem.

Os bombeiros que se dirigiram para e local aconselharam aos curiosos e pessoas que moram no arredores que retornassem às suas casas e ali permanecessem até que tudo esteja resolvido, e também acrescentaram que não há perigo na fumaça, pois não haviam substâncias tóxicas no local. Há qualquer momento retornaremos com mais informações sobre a tragédia ocorrida na Estação de Energia de Didcot, em Oxforshire, Reino Unido.  #Comunicação #Europa