Mais uma notícia bizarra deixou muita gente de cabelo em pé no último sábado, dia 13 de fevereiro. Um teste de DNA provou que um casal de homossexuais de Nova Jersey, cidade dos Estados Unidos, são na verdade irmãos gêmeos. O exame, que é quase 100% infalível comprovou que Jason Osbourne e Alex Brown foram separados na maternidade e um infortúnio do destino os uniu de forma totalmente inimaginável. Ambos são modelos e estão num relacionamento sério há cerca de dois anos. As informações são do jornal carioca Extra.

A decisão de realizar o exame, em grande parte, foi tomada devido à pressão de amigos, parentes e outras pessoas que achavam inacreditável a semelhança entre os dois, que diziam ser mera coincidência.

Publicidade
Publicidade

Contudo, o laboratório que testou o sangue dos modelos provou o contrário.

Em entrevista para o site de notícias estadunidense "World News Daily Report", Jason disse que buscou a clínica de exames laboratoriais para calar a boca dos amigos que não paravam de questioná-lo a respeito da semelhança física e facial entre ele o atual namorado. 

"Nunca imaginei que pudéssemos ser irmãos gêmeos perdidos. Minha vida acabou", desabafou o jovem. Ele ainda fez um trocadilho para o repórter que o entrevistou, dizendo que esperava sim passar o resto de sua vida ao lado da sua alma gêmea, mas não precisava também ser seu próprio irmão desaparecido.

"Quando descobri, não sabia se chorava de tristeza ou alegria", explicou a confusão do momento.

Frustração de Alex e "cura gay"

O moço disse ainda que ainda não rompeu o namorado e não sabe o que vai fazer, já que o seu companheiro, Alex, afirma que vai "virar" heterossexual e já não responde mais suas ligações. 

"Ele diz que vai levar uma vida 'normal' como todos os outros", espantou-se o rapaz.

Publicidade

Dos dois, ele considera o novo irmão o mais transtornado de toda a história, devido à circunstância bizarra. O irmão que deu a entrevista disse que já acha melhor ver a notícia como algo bom, já que eles se reencontraram após anos.

Outra novidade que Alex não sabia é que era adotado. Ambos foram separados no nascimento e famílias diferentes os escolheram, uma informação desconhecida por ambos até o momento do do DNA.

"Meus pais mentiram para mim a vida inteira", desabafou à reportagem. #Curiosidades #EUA