Hoje, 19 de março, aconteceu um #Acidente aéreo que vitimou 55 passageiros e 7 tripulantes na Rússia. O avião caiu na madrugada deste sábado no aeroporto de Rostov-on-Don. Uma das caixas pretas já foi localizada e as equipes estão na busca da segunda. A maior parte dos restos dos passageiros estão espalhados em um raio de 200 km. O avião ficou em pedaços e os especialistas estão trabalhando na busca dos corpos e na localização dos destroços do Boeing russo. O avião caiu e pegou fogo ao descer no aeroporto russo. A causa mais provável do acidente foi a neblina, ventos fortes e chuva. Dos 55 passageiros, 18 eram homens, 33 mulheres e 4 crianças.

Publicidade
Publicidade

O avião, após uma tentativa de pousar, foi obrigado a ficar dando voltas por duas horas esperando uma nova oportunidade de aterrissar. Segundo testemunhas, o avião se chocou contra o solo e explodiu. Com exceção de três ucranianos, um indiano e um uzbeque, os outros passageiros eram russos. Qualquer possibilidade de atentado terrorista foi afastada.

O mundo tem testemunhado diversos acidentes aéreos, nos últimos anos, ocasionando grandes catástrofes. Estamos diante de um dilema, pois os preços das passagens têm aumentado muito em vários países, e as companhias aéreas estão fazendo de tudo para aquecer o mercado e trazer os passageiros de volta para as aeronaves. Promoções estão sendo realizadas de todas as formas para reaquecer o mercado que está em um período fraco de um modo geral.

Publicidade

No Brasil, não é diferente, as empresas aéreas estão sofrendo com os impostos, preço dos combustíveis e gastos com aeronaves.

A Rússia é um país que, infelizmente, tem sofrido sérios acidentes aéreos nos últimos anos e o presidente Putin é famoso por sua personalidade forte e determinada. Enquanto o mundo procura por paz, ele pode provocar guerras de maiores proporções. A #Crise econômica mundial pode ser uma das causas dos acidentes aéreos, pois, muitas vezes, as companhias não têm recursos para proporcionar uma segurança maior aos passageiros, com serviços de manutenção adequados. #Vladimir Putin