Já faz alguns anos que #Cães, bem como outros #Animais são usados como ‘terapeutas’ em diversos casos de enfermidades. Há casos de pessoas que se curaram da depressão e da solidão, voltando a sentir vontade de viver e serem felizes pelo simples fato de um cão ter entrado em suas vidas.

Coronel, mesmo com nome imponente, não é um cão militar, mas um cachorro especial que foi usado no tratamento de Caleb. A criança levava uma vida normal, até que sofreu um gravíssimo acidente de carro que lhe acarretou danos cerebrais e paralisia.

Os médicos foram sinceros quanto a situação de Caleb, mas seus pais deram a oportunidade para a terapia com animais, a fim de buscar alguma forma de ver seu filho reagir diante da trágica situação.

Publicidade
Publicidade

O Golden Retrieve se aproximava de Caleb e ali, mesmo com todas as suas limitações, os pais notaram que após cada visita de Coronel, o menino demonstrava alegria e conseguia acariciar seu novo amigo.

Caleb ficou internado vários meses e Coronel integrou uma parte de seu tratamento, estando lado a lado de seu novo amigo nas horas marcadas. De acordo que os dois tinham mais encontros, Caleb conseguia melhorar e reconquistar, ainda que lentamente, suas habilidades motoras e cognitivas.

Depois de um tempo, saiu da cama e pôde andar de cadeira de rodas e seus movimentos, até então condenados a não existirem para sempre, começaram a demonstrar vida e interesse em estar ali novamente, ainda que com marcas. Ainda que não fossem mais como antes.

A recuperação do menino chamou a atenção de todos os médicos envolvidos no tratamento de Caleb e o grande responsável pelo ato foi Coronel, que despertou na criança vontade de voltar a viver.

Publicidade

Confira o vídeo abaixo e emocione-se com o passo a passo de Caleb para voltar a ter uma vida mais normal possível depois de seu grave acidente. Conheça a dedicação de paciente e cão e prepare os lencinhos, pois essa história vai te emocionar!

 

Deixe um comentário com a sua opinião sobre esse caso de amor e superação entre uma criança e um cão. #Comportamento