Já pensou que ótimo poder mudar a vida de um cãozinho abandonado que seria sacrificado? Mas já imaginou se para isso você tivesse de escolher apenas um dentre 250, na certeza de que os 249 que ficassem para trás seriam mortos? Só de imaginar essa situação já corta o coração.

Danielle Eden passou por isso. A moça é uma das fundadoras de um santuário que resgata do lado ruim da vida, #Animais vítimas do abandono e dos maus tratos. O santuário fica no Canadá e Danielle já viajou para diversos países para poder conhecer outros abrigos e as formas como cada Estado age diante das causas animais.

Em uma dessas viagens, Danielle foi parar em um abrigo de Israel.

Publicidade
Publicidade

Lá ela conheceu dezenas de cachorros necessitados que estavam aglomerados em um espaço sujo e repleto de ratos. Aquele não era um santuário ou um local onde os animais seriam bem tratados até conseguir um lar. Mas eles tinham um prazo para serem adotados (assim como acontece na maior parte do mundo, incluindo alguns estados brasileiros) ou seriam sacrificados.

Danielle iria adotar um cãozinho triste e levá-lo para o Canadá, mas não conseguiu ficar em paz com a ideia de que todos os outros seriam mortos. A necessidade de afeto e um pouco de dignidade brilhavam nos olhos esperançosos de cada cachorro.

Foi ai que Danielle decidiu fazer uma loucura: decidiu adotar todos eles e levá-los para o Canadá, para em seu santuário cuidar dos #Cães e disponibilizá-los para adoção. A decisão ousada foi vista por alguns como uma loucura, mas para outros como uma atitude nobre que foi repercutida na imprensa.

Publicidade

Os cães foram colocados em caixas próprias para o transporte de animais e acomodados no avião. Os bichinhos mal podiam imaginar que aquela viagem estranha em caixas mudaria suas vidas sofridas para sempre.

Ao chegar no Canadá, Danielle levou todos eles para o seu santuário e lhes deu muito amor e afeto. Para muitos daqueles cães, talvez a maioria deles, era a primeira vez que alguém os tratava tão bem e de maneira tão amorosa.

Danielle objetivou conseguir um lar para cada um dos novos ‘moradores’ do local, mas também esteve sempre ciente que alguns deles não teriam essa sorte, pois eram muitos animais. Mas Eden ficou tranquila, pois enquanto vivessem no santuário, seja por pouco tempo ou para sempre, ela tinha a certeza que os animais teriam a garantia de muito afeto, além de não correrem o risco de serem sacrificados.

E aí, o que achou dessa história comovente e que infelizmente, não é comum de se ver por aí? Deixe a sua opinião através de um comentário. #Comportamento