A polícia fez uma descoberta macabra em uma casa de Kent, na Inglaterra. Ao chegar no apartamento, os policiais e paramédicos encontraram os corpos mortos de uma mulher e do filho bebê. A polícia ainda não revelou a identidade das vítimas, prosseguindo com a investigação envolta em algum secretismo.  De acordo com um vizinho, que falou com o jornal The Sun, mãe e filho seriam os únicos moradores dessa casa. 

A localidade de Kent está apavorada com esse cenário de tragédia. Os vizinhos teriam notado a ausência dos moradores desse apartamento e ligaram para a emergência, na tarde de segunda-feira. Os policiais e paramédicos, junto com três ambulâncias, encontraram essa cena macabra.

Publicidade
Publicidade

Mãe e filho mortos, em circunstâncias que ainda não foram reveladas. 

Os corpos teriam sido levados para serem autopsiados e, somente após os resultados, serão anunciados mais detalhes sobre essa tragédia. 

O jornal The Sun esteve recolhendo alguns depoimentos no local, mas os vizinhos revelaram muito pouco sobre o que poderia ter acontecido. Um deles esteve no local do incidente e viu os corpos das duas vítimas, dentro do apartamento. O homem não quis revelar seu nome, mas falou que foi chamado por uma mulher para ajudar. Estava muito chocado com tudo o que tinha visto e revelou que se tratava de uma mulher e de uma criança, mas que não as conhecia.

O mesmo relato teve um outro homem, que mora na localidade há vários anos, mas também não conhecia as vítimas. No entanto, teme que possa ter acontecido um ato criminoso, como um assassinato.

Publicidade

"Isso acontecendo tão perto de casa me deixa assustado", contou Stephen Hedges, pai de duas crianças pequenas, para o jornal The Sun. 

Um outro vizinho teria percebido de quem se tratava após falar com um policial. Não sabia os nomes, mas conhecia a mulher, de cor negra e que teria por volta de 30 anos, e a criança que não teria muito mais do que dois anos. Esse homem reparou na presença de dois inspetores de incêndios no local, deixando entender que as mortes poderiam estar relacionadas com inalação de fumo ou até de gás. 

Um porta-voz da polícia se mostrou confiante na continuação das investigações, para concluir  as causas dessas mortes.  #Família #Europa #Casos de polícia