Um jovem português de 31 anos morreu no final da tarde deste sábado, dia 16 de abril. Alegadamente, Tiago Leal teria morrido após sofrer uma parada cardíaca. Tudo aconteceu pouco depois das 18h, quando estava jogando futebol com amigos. A comunidade de Lousada, no norte de Portugal, está chocada, mas os problemas cardíacos de Tiago já seriam bem conhecidos por todos. 

De acordo com o Jornal de Notícias, o homem estava proibido de jogar futebol e de praticar atividades físicas mais pesadas por causa de suas dificuldades cardíacas. Apesar de estar bem avisado pelos médicos, Tiago não resistia e tinha por hábito jogar bola com os amigos.

Publicidade
Publicidade

Tudo de modo informal e longe de ser competição à séria, mas o esforço físico empregado nesse jogo poderia ser demais para o que seu coração seria capaz de aguentar. 

Segundo algumas testemunhas que assistiram ao triste incidente, Tiago Leal jogou por alguns minutos, até que caiu inanimado em campo. Os colegas chamaram a emergência imediatamente, e nem teria demorado muito para que chegassem os bombeiros de Lousada. Foram os bombeiros os primeiros profissionais a chegar ao local e a iniciar logo as manobras de reanimação. Pouco depois, contaram com a ajuda de uma equipe da Viatura Médica de Emergência e Reanimação do Vale do Sousa, e ainda da ambulância de Suporte Imediato de Vida de Amarante. 

Apesar de todos os procedimentos na tentativa de reanimação, a morte acabou sendo declarada ainda no local, no campo de futebol do Complexo Desportivo de Lousada, onde Tiago se reunia com os amigos para jogar quase todos os sábados. 

Morte súbita no futebol

Foi mais um caso de uma morte súbita de um jovem enquanto praticava futebol.

Publicidade

Nos últimos anos, têm sido muitos os casos de jovens que morreram dentro de campo. Segundo um estudo da FIFA, publicado em 2013, entre os anos de 2007 e 2012 foram 84 os atletas que perderam a vida jogando futebol. A média das idades é de 24.9 anos e isso em atletas supostamente bem vigiados por médicos e com todos os exames necessários realizados.  #Europa #Alimentação Saudável #Corrupção no futebol