Aconteceu no dia 15 de abril de 1989 uma das maiores tragédias da história do futebol, no estádio Hillsborough, em Sheffield, na Inglaterra, durante a semifinal da Copa da Inglaterra entre Liverpool e Nottingham Forest. Naquele dia, noventa e seis torcedores do Liverpool morreram esmagados pela grade que separava os torcedores do campo e outras 766 pessoas ficaram feridas.

Por anos, a torcida foi responsabilizada pela tragédia. Então em 2012, um novo inquérito foi instaurado, após forte pressão por parte das famílias das vítimas, depois da anulação do veredicto inicial.

A CONCLUSÃO DO JÚRI

Após 27 anos de espera, as famílias tiveram hoje, dia 26, uma conclusão justa.

Publicidade
Publicidade

O júri concluiu que o motivo das mortes foi a conduta das autoridades. 

Elkan Abrahamson, advogado representante da Campanha Justiça à Hillsborough,  Justice Campaign, pediu às autoridades que garantam que os procedimentos criminais sejam iniciados o mais breve possível.

"Ainda há um longo caminho a ser percorrido. As investigações recentes levaram três anos e agora temos a urgência de que as autoridades conduzam investigações rápidas e rigorosas que levarão a processos criminais e disciplinares e à completa prestação de contas", disse ele.

O júri ouviu mais de mil testemunhas por dois anos e concluíram que a forma como o jogo foi organizado e administrado e a demora das equipes de emergência em atender ao chamado foram algumas das causas das mortes.

Com isso, entidades e o responsável pela segurança do evento, David Duckenfield, chefe da polícia de South Yorkshire, devem ser responsabilizados.

Publicidade

COMO ACONTECEU A TRAGÉDIA DE HILLSBOROUGH

A minutos do início do jogo, o acúmulo de torcedores do lado de fora do estádio já preocupava. Ao ouvirem o aplauso dos torcedores que estavam dentro do estádio, o aglomerado aumentou e a polícia então abriu um portão lateral. Eram aproximadamente cinco mil pessoas tentando passar as catracas. Para aliviar a acumulação, a polícia abriu mais dois portões de saída, que não tinham catracas. Então a multidão entrou no estádio nas divisões que já estavam lotadas e empurraram para a grade as pessoas que estavam nas primeiras filas. Estas foram pressionadas na grade que os separava do campo. 

MUDANÇAS NO #Futebol INGLÊS

As mudanças no futebol inglês aconteceram após duas tragédias: a de 1985, no estádio de Heysel, em Bruxelas, na Bélgica, no jogo entre Liverpool e Juventus, na final da Copa Europeia; e a de Hillsborough, em 1989.

Para aumentar a segurança, grades e muros foram retirados, os locais para assistir aos jogos em pé foram extintos, câmeras de segurança foram instaladas e fiscais passaram a permanecer à beira do campo. #Crime #Futebol Internacional