As autoridades de Inglaterra divulgaram, há alguns dias, que um imigrante português está desaparecido. A polícia de Avon e Somerset divulgou um alerta em que faz um apelo para tentar encontrar o homem que, segundo as autoridades, tem algumas fragilidades e não fala inglês.

O homem que está desaparecido chama-se Vasco Manuel Macedo, é português e tem 38 anos. O alerta chegou até aos meios de comunicação portugueses hoje (31) através dos meios de alerta internacionais que informaram que o imigrante da Inglaterra desapareceu há cinco dias.

Segundo o comunicado emitido pela polícia de Avon e Somerset, o português foi visto, pela última vez, na casa de um familiar em Chard, na noite da última quinta-feira (26).

Publicidade
Publicidade

O mesmo comunicado informa que Vasco Macedo é, nesse momento, uma pessoa muito frágil, tem dificuldades de aprendizagem e muitas dificuldades em fazer-se entender na língua inglesa.

As autoridades estão demonstrando uma enorme preocupação e urgência em encontrar o português. Para já divulgaram uma fotografia de Vasco Macedo acompanhada da seguinte descrição: homem com aparência mediterrânea, magro, com 1,75 metros de altura. Tem olhos verdes, cabelo encaracolado e escuro e um andar distinto.

250 mil pessoas desaparecidas todos os anos

Estatísticas recentes indicam que, cerca de 250 mil pessoas são reportadas como desaparecidas todos os anos no Reino Unido. Esse é um número que tem vindo a aumentar de ano para ano. Nos anos 90, por exemplo, o número de desaparecimentos anual não ia além das 30 mil pessoas em média.

Publicidade

Felizmente a maioria dos desaparecidos são mais tarde encontrados, no entanto, fontes policiais informam que, cerca de 20 mil pessoas permanecem desaparecidas durante 1 ano ou até mais tempo. Essas são números demasiado altos para um dos países com mais meios de vigilância em todo o mundo. O Reino Unido é, por exemplo, um dos países líderes mundiais em número de câmeras de vigilância instaladas nas ruas de suas cidades.

Se você tem amigos ou familiares no Reino Unido, então compartilhe essa notícia no Facebook. Quem sabe poderá fazer a diferença e ajudará a encontrar o imigrante português.

O que você acha sobre o aumento dos desaparecimentos no Reino Unido e em vários países europeus? Escreva a sua opinião nos comentários! #Europa #Casos de polícia #Emigração