Bebê de um ano de idade, com rara doença hormonal, está sendo considerada a criança mais precoce do mundo, ao desenvolver impulsos sexuais e pelos pubianos.

Conforme divulgado pelo jornal britânico Daily Mail, ontem, 30, o indiano identificado apenas como Akash, tem o mesmo nível de testosterona de um homem com 25 anos.

O periódico ressalta que, apesar de o pequeno ter apenas um ano de vida, ele apresenta diversas características de um homem. Além da genitália da criança ser igual a de um adulto, ela tem pelos faciais e corporais. A voz também está começando a engrossar.

Segundo os médicos, o estranho bebê sofre de puberdade precoce, e enfrenta situação semelhante a dos prés-adolescentes.

Publicidade
Publicidade

Em entrevista à imprensa, os pais revelaram que, aos seis meses de idade, notaram o fato de o filho apresentar genitais “anormalmente” grandes.

A mãe, cujo nome não foi identificado, contou ao jornal Hindustan Times que, inicialmente, ela e o marido acharam que Akash era apenas um bebê mais “desenvolvido” que a maioria.

"Nós pensamos que talvez ele fosse apenas um bebê grande, por isso não o levamos ao médico”, diz.

O médico da família, Vaishakhi Rustagi, explica que, devido à excêntrica alteração hormonal de Akash, o bebê e os pais passarão por dificuldades durante seu desenvolvimento.

"A puberdade precoce é traumática para uma criança de sua idade, o que o torna violento. A sua força muscular aumentou para um nível que até mesmo seus pais não podiam controlá-lo”, destaca.

Peruana de cinco anos foi a criança mais jovem a ter filho

Embora a puberdade precoce seja uma condição rara, essa não foi a primeira vez que uma criança superdesenvolvida impressionou o mundo.

Publicidade

A mãe mais jovem já registrada, a peruana Lina Medina, deu à luz aos cinco anos, em 1939. Ela chegou a se tornar uma “espécie” de celebridade naquela época.

Ao verem o abdômen da filha, os pais pensaram que o tamanho da barriga estava relacionado com algum tumor. Eles tentaram tratá-la com remédio, sem sucesso.

Ao encaminharem Lina Medina ao Hospital, descobriram que ela estava grávida. O bebê da criança de cinco anos nasceu um mês após o evento.

Até hoje, ninguém sabe quem é o pai. #Curiosidades #Internet #Doença