Ontem, dia 29, publicamos a notícia de que o advogado canadense Victor Viggiani, em posse de 11 documentos ultrassecretos sobre UFOs, iria revelá-los hoje. E foi o que aconteceu.

Conforme noticiado no periódico inglês "Express", nesta quinta-feira (30), entre os papéis divulgados num evento ufológico em Brantford, Ontário (Canadá), o que mais se destacou foi um memorando confidencial de 14 de novembro de 1968.

Intitulado "UFO encontrado em Saskatchewan do Norte", o documento exposto pela primeira vez ao público informava que em 17 de outubro do mesmo ano, um membro da comissão de associado em meteoritos do Conselho Nacional de Pesquisa do Canadá, conhecido como J.

Publicidade
Publicidade

Hodges, havia subtraído um fragmento de metal da nave alienígena acidentada, inicialmente encontrada por um piloto (nome não identificado no documento).  

Segundo o jurista, a peça foi achada no lago Wollaston, a 450 milhas (pouco mais de 724 km) da cidade canadense de Prince Albert. Ele autenticou sua revelação ao expor o documento oficial sobre a análise do material. “O exame revelou que provavelmente fazia parte de um veículo que viajou no espaço exterior”, dizia a análise escrita no memorando.

De acordo com o jornal, os ufólogos acreditaram que os documentos tiveram um significativo peso histórico na busca por provas de que a Terra é visitada por entidades extraterrestres.

Apesar dos entusiastas se mostrarem satisfeitos com as informações contidas nos arquivos, céticos argumentaram que a referida nave extraplanetária era, na verdade, uma peça de algum foguete ou satélite, que havia ido ao espaço e reentrado no nosso planeta.

Publicidade

Embora o advogado tenha prometido surpreender o mundo com novas revelações ufológicas, as exposições dos documentos nesta quinta-feira, apenas mostraram o que a maioria dos pesquisadores já sabia: os militares pesquisam o assunto.

Além de Viggiani, outra testemunha de aparente credibilidade, um ex-agente do Serviço de Inteligência Americana (CIA), também mostrou fotos e documentos de tudo que sabia sobre atividades alienígenas na Terra. À época, o agente aposentado disse que estava revelando porque tinha uma doença terminal e estava próximo da morte. Assista abaixo ao vídeo (legenda em português) do ex-agente da CIA falando sobre o fenômeno.

#Entretenimento #Mídia #Curiosidades