Com a regularização da Cannabis, liberada em vários estados americanos para uso medicinal, algumas companhias de grande porte já começam a ingressar no mercado. A primeira delas é a Microsoft, que na última quinta-feira (16) oficializou uma parceria com a Startup Kind, empresa de pequeno porte que atua no mercado de tecnologia fornecendo aplicativos voltados para a comercialização da maconha.

O contrato assinado entre as duas empresas visa colaborar para que a Microsoft possa colocar em ação o seu software denominado Agrisoft Seed to Sale, ( da semente à venda). O aplicativo será disponibilizado para os usuários Azure Government, ferramenta da nuvem que será usada para que as autoridades competentes possam fiscalizar os pontos de venda da Cannabis.

Publicidade
Publicidade

O aplicativo também é responsável por rastrear as sementes legalizadas para venda em pontos de comércio que vendem o produto para tratamentos fitoterápicos.

Em breve, o software será usado em mais de 25 estados americanos e agirá em parceria com governos e consumidores facilitando o monitoramento da maconha, permitindo que a maioria dos investimentos voltados para a área estejam de acordo com a legislação federal, principalmente na Califórnia, estado onde há o maior número de investimentos ligados ao setor. Até o momento, apenas pequenas empresas estão investindo no mercado da Cannabis. A partir da entrada da Microsoft, a tendência é que o negócio cresça ainda mais.

Em entrevista para o jornal ''New York Times'', Kimberly Nelson, diretora de soluções governamentais da Microsoft, ressalta.

Publicidade

'' Acreditamos que em breve, com a legalização das indústrias, novas transações ocorreram e novos pedidos deverão surgir. Com isso, novos aplicativos serão desenvolvidos para facilitar a vida dos usuários''.

Em uma nota divulgada na imprensa, David Dinenberg, diretor da Kind Financial, comemora a parceria com a Microsoft e ressalta. '' Diversos países mundo afora estão com seus projetos para legalização da Cannabis em pauta. Mas para tal aprovação, deverão adotar medidas que estejam de acordo com sua legislação, seguindo as leis semelhantes ao uso do cigarro e álcool. Nós da Kind estamos orgulhosos em disponibilizar a governos e agências reguladoras dispositivos para monitoramento e fiscalização das legislações''. #Entretenimento #Curiosidades