Na Rússia, na cidade de Izberbash, um prisioneiro com o nome de Rustam Shahrudinov de 25 anos, planejou uma fuga perfeita. O caso deixou muitas pessoas de boca aberta, que ainda não entenderam a forma que ele planejou sua fuga, mas uma coisa pode-se afirmar: Ele não precisou de muito espaço para executar seu planejamento. A ação do prisioneiro foi estranha e engraçada, ato jamais visto em presídios de todo mundo.

O indivíduo estava preso por acusações de roubo e outros crimes. A polícia afirmou que ele tem um histórico criminal longo e não é uma pessoa segura para viver em sociedade, mas não deu maiores detalhes. Informações dão conta de que ele já tentou fugir duas vezes, mas não obteve sucesso em suas outras tentativas.

Publicidade
Publicidade

A imprensa afirmou que a especialidade do preso era furtos em locais pequenos e que sua facilidade de entrar em esses espaços era sua melhor habilidade. Sendo assim o ladrão esquematizou uma fuga da forma que ninguém poderia imaginar, escapando da cela pelo espaço usado para servir as refeições. Apesar do espaço ser muito pequeno, sua habilidade permitiu que desse certo.

Enquanto isso o circuito de segurança interna do presídio registrou o momento da fuga. O preso aproveitou uma troca de turno de funcionários e logo começou a executar seu plano de fuga. Primeiramente Rustam tira totalmente sua roupa e se espreme na pequena passagem, ele se contorce todo até que ele consegue passar para fora da cela. O ladrão rapidamente veste suas roupas e sai tranquilamente, andando como se nada tivesse acontecido.

Publicidade

Mesmo que o presídio tenha registrado sua fuga, nenhum oficial estava acompanhando as câmeras de segurança no atual momento, os oficiais só deram conta mais de 12 horas depois. A TV local tentou contato com a administração do presídio e militares, mas ninguém quis gravar entrevista.

Depois de ter conseguido fugir, Rustam Shahrudinov foi imediatamente colocado na lista de procurados da República do Daguestão. A polícia local está fazendo buscas completas pelo preso em todas as regiões do estado. #Justiça #Crime #Investigação Criminal