Alexandria Vera, 24 anos, professora e investigada pela polícia, sendo acusada de abuso sexual. A bela professora não só abusou de um dos seus alunos de apenas 13 anos como também engravidou dele. O caso aconteceu em Houston, Texas, nos Estados Unidos e se difere da maioria dos crimes deste tipo, quando geralmente é o homem que pratica a violência sexual contra uma adolescente.

A professora esteve no tribunal e contou detalhes de como tudo aconteceu, sendo que de acordo com seu depoimento ela e o aluno já vinham mantendo relações sexuais desde setembro de 2015 e garantiu que a família do garoto estava sabendo do relacionamento deles e até aprovaram a relação.

Publicidade
Publicidade

Quando ela contou à família que tinha ficado grávida, não houve nenhuma resistência, segundo ela e os pais do jovem até ficaram felizes com a chegada do netinho.

De acordo com informações divulgada pela emissora KPRC, o relacionamento entre professora e aluno teve início quando o jovem precisou faltar a uma das aulas e ela gentilmente lhe passou o número de seu telefone para ajudá-lo com a matéria que tinha perdido. Eles então começaram a conversar por telefone e logo marcaram um encontro. Depois disso, eles continuaram a se falar por telefone e também pessoalmente, além de marcarem novos encontros onde já passaram a ter mais intimidade.

A professora revelou aos promotores que as relações sexuais entre ela e o aluno vinha acontecendo quase que diariamente e tudo isto já era do conhecimento da família do jovem, tanto é que, ainda de acordo com Alexandria, a primeira relação sexual entre eles aconteceu na casa do adolescente, só que neste dia os pais do garoto haviam saído.

Publicidade

O primeiro beijo foi um dia antes deste relacionamento íntimo, quando ela deu uma carona para o aluno.

E o relacionamento entre a professora e o aluno de 13 anos era do conhecimento não só dos pais do jovem, mas de toda a escola. Um aluno da instituição revelou que todos sabiam que eles estavam namorando e que o rapaz chegava a pegar nas nádegas da professora e isto era feito na frente de todos os demais alunos e que não faziam questão alguma e esconder o relacionamento do resto da escola.

A professora já tem uma filha e agora a polícia está investigando um outro fato relacionado ao caso, pois Alexandria informou que acabou perdendo o bebê após descobrir que estava sendo investigada pela polícia. De acordo com a professora, ela ficou nervosa, se sentiu mal e acabou abortando. A polícia quer saber se foi assim mesmo que aconteceu ou se o aborto teria sido provocado por ela.

Desde que o caso foi divulgado na mídia a escola preferiu afastar a professora até que tudo fique esclarecido e a justiça tome a decisão final. #Crime #Violência #Casos de polícia