Citadas pela primeira vez durante o século I d.c, por Pompônio Mela, considerado um dos precursores dos estudos geográficos territoriais, com obras que descreviam os territórios da Hispânia, Gália, continente Asiático e parte do continente Africano, as fadas, populares nas culturas anglo-saxônica, celta, germânica e nórdica, voltaram a ganhar destaque na imprensa internacional, após o jornal inglês "Daily Mirror", edição de sexta-feira (17), divulgar a imagem desses supostos seres mitológicos, fotografados numa zona rural, pelo rapper John Rutledge, 39 anos.

Rutledge conta que enquanto passeava por um campo perto de Newbridge (País de Gales), durante uma manhã de verão - a data não foi informada - fotografou a paisagem onde as supostas fadas estavam.

Publicidade
Publicidade

No entanto, o rapper revela não ter notado a presença dos seres alados, até chegar em casa e olhar as fotografias, onde sete pequenas criaturas apareceram voando entre as flores e as gramas.

Ao perceber a ‘anomalia’ em meio ao cenário, John ampliou a imagem e constatou que os seres tinham cerca de 4 centímetros de altura, além de corpos com tronco, braços, pernas e asas. O artista revelou incredulidade ao observar as ‘fadas’ pela primeira vez. “Quando checamos as imagens não podíamos acreditar nos nossos olhos”, fala, ao confessar que desde menino tem interesse pelo oculto. “Desde a infância que eu queria testemunhar um evento paranormal”, admitiu.

O inglês destaca ter ficado surpreso com o flagrante das mitológicas criaturas, muitas vezes estampadas em desenhos do Walt Disney. “A última coisa que eu esperava era uma entidade alada no País de Gales, mas está lá.

Publicidade

É evidência sólida”, enfatiza, ao não demonstrar dúvidas com relação ao flagrante. “Há definitivamente fadas na parte inferior do jardim”, afirma.

Especialistas em imagens atestam a veracidade da fotografia. Entretanto, acreditam se tratar de ilusão de ótica causada por insetos voadores, ou por flores, atrás dos insetos, iluminadas pelo sol.

Atualmente, nem imagens ou vídeos são capazes de convencer a maioria. Na verdade, qualquer situação sobrenatural pode ser contestada com uma explicação plausível. No fim, é tudo uma questão de crença, seja na ciência ou em qualquer outra coisa. #Curiosidades