A notícia do #Acidente que aconteceu nesta segunda (04) envolvendo um ônibus foi divulgada nos principais jornais do Brasil e do mundo. Havia aproximadamente 50 pessoas no ônibus que saiu da cidade de Acayucan, estado Veracruz, no México, no domingo (03), com destino ao balneário de Cancún. A informação passada para a Agence France-Presse (AFP) por um funcionário da defesa civil é de que não se sabe ainda se os passageiros estavam de férias viajando a passeio, ou se estavam fazendo percurso de trabalho para Cancún.

O acidente aconteceu na cidade de Carrillo Puerto, a leste do México, e o ônibus é da linha Tour Acosta. O secretário de Governo, Miguel Ángel Osorio Chong publicou em seu twitter uma mensagem de solidariedade aos familiares que perderam parentes no trágico acidente.

Publicidade
Publicidade

Segundo a defesa civil, as informações ainda eram muito poucas, mas podia afirmar que os passageiros eram apenas mexicanos e que entre as 12 pessoas que tiveram óbitos confirmados, constava um bebê, que morreu no local do acidente, e mais um menor, não sendo conhecida sua idade exata até o momento da informação.

Entenda o problema dos acidentes nas estradas mexicanas

Notícias de acidentes com ônibus no México têm sido preocupantes. Em fevereiro de 2015, uma colisão entre um ônibus e um trem deixou pelo menos 20 pessoas mortas e outras 31 feridas. No mesmo ano, e em um curto intervalo de tempo, a AFP divulgou outro acidente com ônibus que gerou 8 mortes e pelo menos 30 feridos. O fato ocorreu em Tehuacán, em Puebla. Em janeiro deste ano, a revista eletrônica Veja noticiou o acidente com o ônibus que transportava jogadores de um time amador, no qual se contabilizaram 20 mortos e pelo menos 25 feridos. 

Segundo matéria de Jean Luis Arce para o portal Noticias R7 e Noticias Terra, é frequente o número de acidentes nas estradas do México com resultado de morte altíssimo.

Publicidade

De acordo com a reportagem, em 2012, pelo menos 43 pessoas morreram em outro acidente envolvendo um ônibus e, poucos meses depois, mais uma notícia trágica de 30 vítimas fatais.

Diante de tantos acidentes envolvendo ônibus, é notória a necessidade eminente da atenção do Estado para saber o motivo que vem ceifando tantas vidas de mexicanos em suas estradas.