Um dos assuntos mais comentados na manhã desta sexta-feira no Twitter é "North Korea" porque a notícia que todos comentam, com temor, é de que aquele país teria declarado guerra aos Estados Unidos. As autoridades norte coreanas acusam os #Estados Unidos de serem os responsáveis pelo clima pesado entre os dois países e considera que as sanções impostas pelos americanos, que tantos transtornos trazem aos norte coreanos, representa uma "declaração de #Guerra" e também um "ato hostil sem precedentes".

Faz pouco tempo que os Estados Unidos impuseram pesadas sanções a Kim Jong-Un, líder da Coreia do Norte, além de acusarem dez funcionários daquele país de terem violado os direitos humanos no regime imposto ao povo.

Publicidade
Publicidade

A intenção era pressionar aquele governo, procurando impedir, principalmente, que ele pudesse fazer importações, algo indispensável atualmente para qualquer país nos dias de hoje.

Nenhum país vive de forma totalmente independente, até mesmo o Brasil precisa importar produtos de várias outras regiões do planeta. Ao impedir que outras nações negociem com a Coreia do Norte, os Estados Unidos conseguiram fazer uma pressão muito grande sobre Kim Jong-un, deixando-o em uma situação bastante complicada.

As sanções impostas chegam a congelar algumas propriedades que estão sob jurisdição americana, não só de Kim Jong-un, mas também de funcionários da Coreia do Norte e também de cinco entidades norte coreanas. Outro fator de peso nestas sanções é que agora os americanos não poderão ter mais nenhum tipo de transação financeira com aquele país.

Publicidade

A meta do governo americano é gerar um "efeito dominó" e fazer com que outros países tomem a mesma atitude, e os investidores financeiros levem em consideração o alto risco de negociar com a Coreia do Norte para assim fazer com que o país deixe de receber dinheiro internacional.

Na rede social Twitter, os internautas brasileiros comentaram a situação de tensão e temem que esta provável guerra tenha consequências devastadoras para todo o mundo.

#Ataque