Nesta quinta-feira, 14, a França foi atingida por mais um atentado terrorista. As informações são bem desencontradas e aparentemente o país teve mais de uma ação terrorista. Mesmo o ataque tendo acontecido às 17h30 no horário de Brasília, até às 21h o governo francês ainda não havia feito um pronunciamento oficial sobre o assunto. O que se sabe é que o motorista de um caminhão atropelou e matou dezenas de pessoas durante um dos principais feriados da França, o Dia da Bastilha. O ataque ocorreu na cidade de Nice. De acordo com agências internacionais de notícias, o motorista do caminhão, que até o fechamento desta matéria não havia sido identificado, percorreu o veículo por dois quilômetros.

Publicidade
Publicidade

Só então ele parou. A Polícia francesa confirma que matou o terrorista depois dele se recusar a parar de atropelar pessoas. 

Diversos vídeos rapidamente foram parar na internet mostrando a confusão. O motorista aparentemente pensou em tudo e decidiu matar as pessoas justamente quando eram soltos os fogos de artifício. Por isso, distraídas com os barulhos e luzes, as pessoas acabaram não percebendo que o caminhão matava as pessoas. De acordo com a Globo News, até às 21h15, eram 70 mortos e mais de 100 feridos. O atentado ocorreu às 22h30 no horário local. Esse é o terceiro atentado seguido em cerca de um ano e meio. O feriado marca o dia da revolução francesa.

O prefeito da cidade de Nice, Sebatien Humbert, confirmou apenas que um caminhão havia matado várias pessoas durante uma distância grande.

Publicidade

O presidente francês, François Hollande, estava na cidade de Avigno no momento do crime. Ele está indo nesse momento para o Ministério da crise para avaliar o que vai fazer. O Ministério fica na capital, Paris. O atentato ocorre um dia depois de um jornal francês avisar da ameaça de #Terrorismo contra a deleção de atletas franceses na Olimpíada do Rio de Janeiro. O governo brasileiro ainda não se pronunciou. 

Veja abaixo o vídeo com o caminhão matando dezenas de pessoas na França. Atenção, as imagens são muito fortes: