Uma imagem chocante está chamando a atenção do mundo inteiro nesta manhã de quarta-feira (03). Um avião da Emirates, uma das maiores companhias aéreas do mundo, teve que fazer um pouso forçado no Aeroporto de Dubai, que recebe pessoas de todo o globo. A suspeita é que o avião começou a pegar fogo ainda durante o voo, tendo sido uma sorte que tenha sido possível aterrissar ainda em segurança. Essa é a primeira vez que um avião da Emirates é totalmente perdido, desde que a companhia começou sua atividade, há cerca de três décadas. 

O jornal "Daily Mirror" foi um dos primeiros a divulgarem a informação e logo deixou o mundo em alerta, pois o temor de ataques terroristas ronda por todos os países e este poderia ser mais um caso de atentado.

Publicidade
Publicidade

Mas o governo de Dubai já confirmou que não se trata de terrorismo e o motivo do Boeing 777-300 ter feito um pouso forçado, já em chamas, será verificado.

O incidente aconteceu por volta das 13:00 horas em Dubai. No avião haviam 275 passageiros e os tripulantes. O voo partiu do Aeroporto Internacional de Trivandrum, na Índia, numa viagem com tempo médio de duração de 3 horas. Quando o avião já estava se aproximando de Dubai, o piloto então enviou um pedido de ajuda, avisando que era uma emergência, já visualizando o fogo na aeronave.

Felizmente ninguém ficou ferido e isto se deve à experiência do piloto e também da equipe que, dentro do avião, conseguiu acalmar a todos, e também aos profissionais que prestaram socorro no aeroporto tão logo o avião aterrissou, evitando que o fogo se alastrasse, podendo socorrer todo mundo a tempo, pois temia-se uma explosão.

Publicidade

Foi preciso um trabalho de equipe, realizado com grande agilidade, para ter êxito e salvar a todos.

A Emirates já deu início às investigações para descobrir o que provocou o incêndio. Passageiros que estavam a bordo publicaram nas redes sociais diversas imagens mostrando o Boeing já em chamas.

As imagens são assustadoras e mostram muita fumaça saindo do avião, sendo até difícil acreditar que ninguém morreu ou ficou ferido na tragédia; felizmente, todos passam bem.

#Acidente aéreo #Acidente