Duas pessoas morreram e mais de trinta moradores de um condomínio foram levados para o hospital após a explosão, e mais sete estavam desaparecidos. O desastre aconteceu no inicio dessa quinta-feira (11), na cidade de Silver Spring, no estado de #MarylandEstados Unidos. "Os bombeiros chegaram ao edifício de quatro andares após receber relatos de pessoas presas dentro", disse o capitão dos bombeiros, Oscar Garcia. Mais de 160 bombeiros foram chamados ao local para ajudar a combater o incêndio causado pela explosão. Cães de resgate procuravam vítimas nos escombros dos apartamentos e robôs foram enviados para tentar encontrar sobreviventes nas áreas mais instáveis ​​da estrutura, disse Garcia.

Publicidade
Publicidade

O corpo de bombeiros estava trabalhando junto com os moradores do condomínio para determinar os nomes dos moradores de cada apartamento afetado e para confirmar quantos moradores, no total, moravam nos prédios. O porta voz dos bombeiros disse que era muito cedo para dizer se os moradores desaparecidos estavam nos escombros. Alguns dos moradores poderiam estar fora de casa no momento da explosão. Durante o resgate cerca de três bombeiros se feriram levemente e foram levados para o hospital da cidade. Os bombeiros fizeram numerosos resgates em condições de fogo pesado, relatou o porta-voz do salvamento, Pete Piringer.

O fogo alimentado pelo gás natural saiu "rasgando" toda a tubulação de gás no complexo de apartamentos, pouco depois da meia-noite de quinta-feira, causando danos estruturais significativos, deixando pelo menos dois ou três edifícios com risco de desabamento. Aproximadamente 100 moradores de 28 apartamentos foram retirados de suas residências pelos bombeiros, mas foram autorizados a voltar para casa depois de algumas horas. Além disso, várias linhas de energia foram afetadas. 

A força da explosão arremessou destroços dos apartamentos até um estacionamento na rua em frente ao condomínio, evidenciando que a causa do incêndio foi uma explosão.

Publicidade

Por volta das 2 horas da manhã o fogo foi controlado #EUA