Alexander PieterCirk, de 41 anos, teve que ser internado depois de passar 10 dias quase sem comer à espera de uma mulher que supostamente conheceu na internet. O holandês passou esse período perambulando no aeroporto da cidade chinesa de Changsha e ficou quase sem comer e dormir. Por incrível que pareça, ele ainda acreditava que a tal mulher iria aparecer a qualquer momento e afirmava isso no ato da internação.

De acordo com a imprensa local, o holandês apresentou problemas no coração e insuficiência nos rins. A internação, mesmo contra a vontade do homem, se deu na sexta-feira, dia 29. Segundo especialistas, o corpo humano tem um limite de tolerância de déficit de alimentos, água e privação dos sono.

Publicidade
Publicidade

Se essa falta ultrapassar a 3 dias, o corpo começa a apresentar sinais como confusão mental, letargia, vertigens, alteração na pressão arterial, taquicardia entre outros sintomas.

O holandês disse que tinha resolvido ficar no aeroporto por não ter dinheiro suficiente para se hospedar em algum hotel ou pensão. Mas o principal motivo era a crença que sua pretendente iria aparecer mesmo para conhecê-lo. Durante esse período, o homem consumiu apenas alguns pacotes de macarrão instantâneo e pouca água.

Em entrevista a uma emissora local, a mulher, identificada como Zhang, contou que ela apenas tinha recebido uma imagem no seu celular com letras e números e achou aquilo muito estranho. A chinesa deduziu que aquilo poderia significar informações sobre o voo do holandês mas não recebeu mais nenhum esclarecimento sobre tal mensagem.

Publicidade

A mulher também informou que os dois haviam se combinado de se encontrar somente no ano que vem.

No hospital, um pouco mais recuperado, Alexander finalmente conseguiu falar com Zhang por telefone e esclareceram o ocorrido. Ele insistia na sua versão que eles tinham marcado um encontro e ela disse que o homem havia cometido um equívoco sobre a data. Eles decidiram marcar um encontro depois que ele sair do hospital. Alexander ainda disse que as mulheres de hoje em dia são muito tímidas. 

  #Comportamento #Conectados