A população da Síria continua vivendo momentos de terror e as crianças acabam sendo as maiores vítimas de todas essa #Violência. Os ataques continuam e após um bombardeio que deixou Aleppo sob ruínas, na última quarta-feira (17), o mundo inteiro tomou conhecimento do horror vivido naquele local graças à foto de um menino, de apenas 5 anos, que aparece todo ensanguentado, sentado, em estado de choque, devido ao #Ataque aéreo que destruiu o bairro onde morava com sua família.

Omran Daqneesh foi uma da muitas crianças atingidas pelo bombardeio e foi retirado dos escombros com vida, felizmente, mas está muito machucado, tanto fisicamente como também emocionalmente, pois seu estado psicológico está pra lá de abalado.

Publicidade
Publicidade

A casa em que ele se encontrava foi destruída após o ataque e o pequeno Omran foi resgatado com vida, juntamente com outras crianças.

No vídeo abaixo, você poderá ver o momento exato em que o garoto é salvo dos escombros e logo em seguida é encaminhado para a ambulância. Ele parece não entender o que houve e nem porque destruíram sua casa. Atordoado, o pequeno Omran passa a mão no corpo e descobre que está sangrando muito, mas seu estado de choque é tão grande que ele nem chora, fica paralisado diante da terrível experiência vivida.

O menino teve vários ferimentos pelo corpo, na cabeça e a boa notícia é que ele já recebeu alta do hospital, onde outras 12 crianças também foram atendidas em uma só noite. Infelizmente, esta é a única notícia boa, porque além do menino não saber dos seus pais, ainda está exposto a novos ataques e dá próxima vez, poderá não ter tanta sorte.

Publicidade

Omran, como tantas outras crianças, crescem em meio ao horror da #Guerra. O mundo pede paz, mas esses meninos e meninas dificilmente se tornarão pessoas equilibradas, vivenciando em meio ao caos desde pequenos. Como geralmente acontece, eles crescem cheios de revolta, mágoa, ódio e ainda na adolescência, ou, até mesmo, enquanto crianças, já passam a usar armas e assim a guerra vai ganhando novos reforços.

A imagem de Omran Daqneesh circula nas redes sociais alertando o mundo para a urgência de se fazer alguma coisa para por fim às guerras no Oriente.