Um indiano de 58 anos de idade, afirmou ter lutado por cerca de três horas contra um urso da espécie preguiça. Em entrevista para o jornal Daily Mail, Jube Valanti Adveppache disse que trabalha como agricultor em uma cidade no interior da província de Karnataka na Índia. Ele afirma, que teria sido surpreendido pelo animal, enquanto colhia cogumelos no interior de sua propriedade. Segundo ele, o animal tinha mais de dois metros de altura e pesava em torno de 130 quilos

Após perder suas forças, o indiano Jube Valanti Adveppache acabou fingindo-se de morto. Na ocasião, o urso acabou desistindo do ataque e entrou em uma mata fechada.

Publicidade
Publicidade

O homem, por sua vez, conseguiu se levantar e pedir ajuda para moradores locais. Ele sofreu diversos ferimentos pelo rosto e pelo corpo.

O outro caso envolvendo um ataque de urso aconteceu nos Estados Unidos. Na ocasião, o norte-americano identificado como, Brad Great de 39 anos foi morto durante o ataque, enquanto praticava mountain bike em uma estrada de terra no Parque Nacional Glacier, situado na cidade de Flathead no estado de Montana. No momento do incidente, ele estava acompanhado de um amigo que conseguiu fugir do ataque e avisar uma patrulha da guarda florestal.

Segundo relato do amigo, que não teve o nome divulgado,Treat teria sido surpreendido por um urso cinza, que acabou lhe derrubando da bicicleta em que estava durante o percurso. O homem não resistiu ao ataque e acabou falecendo no local.

Publicidade

Em nota, o Departamento de Polícia da cidade de Flathead, afirma que já havia emitido um comunicado informando que a área estava fechada para que guardas florestais encontrassem o animal.

De acordo com as autoridades locais, ataques semelhantes a estes são algo raro de acontecer. A maioria dos ataques ocorrem devido à imprudência das vítimas que acabam invadindo o território de caça dos ursos. Esses animais estão protegidos por lei por serem considerados de uma espécie em extinção, o estado de Montana abriga, atualmente, mais de mil ursos, todos considerados da espécie cinzenta.

A norte-americana, Kate Cholewa, conta que teve a vida salva pela sua cadela de estimação após sofrer um ataque de urso no Parque Nacional de Yellowstone, enquanto caminhava por uma trilha. Durante o ataque, a mulher sofreu diversos ferimentos na cabeça no rosto e pernas. Para salvar sua dona, a cadela, da raça labrador, denominada de Carmen, resolveu atacar o urso. Surpreendido pela atitude da cachorra, o animal acabou batendo em retirada mata adentro. #ataques de urso #Entretenimento #Curiosidades