Muitas vezes jornalistas estão mais preocupados com a audiência e a matéria em si do que no próprio ser humano. É muito comum até mesmo em canais brasileiros entrevistas depois de grandes sustos, acidentes, tiros e etc. A Record, por exemplo, é especialista em levar esse tipo de conteúdo no ar. No entanto, ela não se compara a 'TVO Notícias'. Um vídeo do canal de notícias de El Salvador está dando o que falar e gerando, é claro, muita revolta nas redes sociais. Também não é para menos. A ação começa logo depois de um acidente de carro. O jornalista então começa a entrevistar uma das pessoas machucadas enquanto ela praticamente agoniza no chão. 

Em alguns momentos, o homem chega a ter tremores fortes no corpo.

Publicidade
Publicidade

Para muita gente, as reações dos músculos indicava que ele poderia ter um ruptura interna em seus órgãos. Mesmo assim, o repórter parecia que queria muito fazer a entrevista. Aparentemente em um link ao vivo, ela pergunta: "o senhor vai ser levado para um hospital? O que aconteceu? Você está bem, machucou onde?". As insistentes perguntas do repórter fizeram com que ela virasse assunto da mídia. Em grupos de jornalistas internacionais, colegas de trabalho detonaram o rapaz, que parecia iniciante. 

Até mesmo o tabloide inglês 'The Sun' partiu para o ataque. Jornal da internet disse que o entrevistado teria sido atropelando por um caminhão. "Está doendo muito", diz ele sem conseguir respirar muito bem. De acordo com o 'The Sun', o entrevistado depois de se debater ao vivo até foi encaminhado a um hospital, mas acabou não resistindo e faleceu. 

Perguntas óbvias de jornalistas costumam irritar também quem trabalha com a mídia todo o dia.

Publicidade

As entrevistas rituais com atletas após as competições são as mais conhecidas. É muito comum ver um jogador perder no futebol e o repórter perguntar como ele se sente ou o que levou àquela derrota. O profissional, convenhamos, não gasta muito neurônio para fazer isso. 

Veja abaixo o vídeo que mostra a repórter entrevistando um homem acidentado e perguntando se ele está bem:

#Crime #Investigação Criminal