Assim como acontece com estudiosos e cientistas do Brasil que trabalham no exterior, alguns dos principais pesquisadores e acadêmicos mundiais são oriundos da Grécia ou têm a sua origem familiar naquele país do Sudeste da #Europa, mas trabalham em outras partes do mundo, ocupando colocações no mercado de trabalho nos mais destacados, importantes e diversos segmentos de atuação para o desenvolvimento da economia e ações laborais na sociedade globalizada atual. 

5 personalidades que representam a Grécia e sua herança cultural mundo afora

  • Nicholas Christakis - médico e sociólogo, EUA: Christakis é um greco-americano nascido em 1962, sendo médico e sociólogo formado na Universidade de Harvard. 

Em 2009 foi dada a ele a honra de estar na lista da revista norte-americana ‘Time’ como uma das 100 pessoas mais influentes do ano.

Publicidade
Publicidade

  • Thanasis Economou - cientista Nuclear, EUA: é cidadão grego e nasceu em Graven, na Grécia, atuando como físico nuclear na NASA - Administração Nacional do Espaço e da Aeronáutica - desde os anos 60, tendo sido o mais jovem cientista contratado pela mesma, na época. 

Economou contribuiu para a missão da NASA à lua, durante os anos de 1966 a 1968; atuou ainda no programa da Apollo de 1961 a 1975 e desempenhou um papel crucial no desenvolvimento de diferentes técnicas e ferramentas que auxiliaram a sonda Pathfinder a encontrar seu caminho para Marte, o que ocorreu de 1993 até 1997. 

  • Katerina Harvati - paleoantropóloga, Alemanha: profissional especializada na evolução do Neanderthal; nas origens da humanidade até o período contemporâneo, e na aplicação de métodos de morfometria geométrica 3D para a antropologia. A Dra. Harvati é conhecida no mundo inteiro pela sua atuação na paleoantropologia. 

Desde a Europa, passando pela África e chegando à Grécia, ela tem participado de muitos trabalhos de campo e é, atualmente, professora associada adjunta de antropologia na Universidade de Nova York. 

  • Vicky Pryce - economista, Reino Unido: muitas pessoas já puderam assistir Pryce comentando sobre a crise econômica na Grécia por meio do canal da CNN ou em outras agências de notícias internacionais, as quais, talvez, tenham se perguntando do porquê ela dominar tão bem os assuntos relacionados à sociedade grega e seu povo. A resposta é simples, pois Vicky nasceu na Grécia

A economista grega chegou em Londres em 1952, com o objetivo de estudar na LSE - London School of Economics and Political Science (Escola de Economia e Ciência Política de Londres).

Publicidade

Atualmente, Pryce é a nova chefe do serviço econômico do governo do Reino Unido, posição que nunca tinha sido ocupada anteriormente por uma mulher. 

  • Joseph Sifakis – engenheiro da computação, França: Sifakis que nasceu em Grenoble, na França, é um pesquisador do CNRS - Centre National De La Recherche Scientific (Centro Nacional de Investigação Científica) e fundador do laboratório Verimag. 

O greco-francês fez avanços significativos em seu campo de atuação, sendo o pioneiro no assunto simultâneo dos aspectos teóricos e práticos de Sistemas de Especificação e Verificação. #Educação #Trabalhar no exterior