Daniel Kevin Harris tinha 29 anos quando foi abatido por um policial, por estar dirigindo em alta velocidade. Jermaine Saunders, da #polícia de Charlotte, da Carolina do Norte,  teria mandado o homem encostar o carro, mas como ele era surdo-mudo, teria demorado algum tempo para perceber o que estava acontecendo. De acordo com algumas testemunhas, assim que saiu do carro, Daniel apenas estava gesticulando, e foi imediatamente abatido por esse policial. De acordo com a família, o homem não viu respeitada sua condição deficiente, sua surdez e mudez, e nem teve direito a se explicar, com o policial disparando imediatamente. 

O caso está chocando a comunidade surda-muda dos Estados Unidos da América e um pouco por todo o mundo.

Publicidade
Publicidade

Tudo começou com um pequeno delito desse homem, que não teria respeitado os limites da velocidade na estrada, mas bem mais grave foi a reação do policial, que teria demonstrado uma péssima preparação em lidar com pessoas diferentes e com problemas de saúde, que merecem ser respeitados. 

De acordo com a polícia, Daniel Harris teria fugido, depois de ser mandado encostar, e teria se dirigido para sua casa, obrigando Saunders a persegui-lo. Depois de parar o carro, teria se insurgido contra o policial e não estaria respondendo as suas ordens. Por esse motivo, ele teria disparado contra ele. No entanto, algumas testemunhas estão desmentindo essa versão. Realmente, Daniel não teria respeitado a ordem de o policial para parar sua marcha, mas isso até poderia estar relacionado com o fato dele não escutar e poderia não ter se apercebido. 

No entanto, assim que parou o carro, ele teria tentado comunicar por gestos, explicando sua versão para estar dirigindo demasiado rápido e também para não ter parado.

Publicidade

Para essas testemunhas, o homem, desarmado, teria sido abatido assim que saiu do carro.

Em declarações para a WCCB, o irmão de Daniel, Jay Harris, contou que acredita que o irmão, por ser surdo,  não teria se apercebido do que estava acontecendo e que deveria ter ficado assustado, alegando que o irmão padecia dessa deficiência e que estava desarmado. "Ele foi abatido e agora ficamos sem nada", lamentou Jay. Daniel Harris era ##Pai de uma criança de quatro anos. 

O policial Jermaine Saunders foi provisoriamente colocado para fazer trabalho administrativo, mas esse caso será ainda alvo de investigação.  #EUA #Casos de polícia