É triste vermos pessoas perdendo sua vida por assassinos cruéis, sem dó nem piedade, ainda mais quando esses crimes são praticados na frente de crianças inocentes. Uma mulher #brasileira foi morta perto dos filhos menores nesta quarta-feira (31), na cidade de #Pedro Juan Caballero, no Paraguai.

A Polícia identificou a mulher como Josiane Vanessa Zilio, de 32 anos de idade, e foi assassinada com 16 tiros, dentro de sua casa, no Bairro Virgen de Caacupé. Os homens que faziam uso de armas de diversos calibres, entre eles um fuzil, chegaram à casa da vítima em um veículo de luxo e mataram a mulher na frente de seus filhos menores, de 5 e 8 anos de idade. 

As informações foram repassadas pelo site do Paraguai 'Color ABC', que informou que a brasileira teria ligações com o narcotraficante Jorge Rafaat Toumani, que morreu assassinado em junho passado.

Publicidade
Publicidade

De acordo com o jornal paraguaio, o assassinato de Josiane, seria uma queima de arquivo. A mulher estaria em um relacionamento com um traficante do país vizinho, que no momento se encontra preso.

Segundo as informações do site, desde que o narcotraficante Jorge foi morto, os rivais do mesmo têm realizado ataques às pessoas que trabalhavam para ele, tanto em Pedro Juan Caballero, como nas cidades vizinhas. O crime está sendo investigado por agentes policiais da Comissaria Amambay.

A residência da brasileira passou por perícia após o crime e o corpo foi liberado pelos agentes policiais e recolhido em seguida. Uma afilhada de Josiane lamentou sua #Morte através de uma rede social dizendo que estava em luto, que era para a madrinha ir com Deus e terminou dizendo que as saudades seriam eternas.

Publicidade

O Jornal Extra tentou entrar em contato com a afilhada de Josiane e também com o Itamaraty para tentar mais informações sobre o crime, mas não obtiveram sucesso e aguardam retorno dos mesmos.

A pergunta que fica é a seguinte: como ficarão essas crianças, que já tão novas, presenciaram essa violência toda contra a própria mãe? Até quando as crianças serão vítimas da inconsequência de seus pais e responsáveis, sendo obrigadas a viver e conviver nesse tipo de ambiente, no meio de drogas e bandidos?