Um vídeo de campanha, montado pela equipe da candidata democrata Hillary Clinton, expõe os preconceitos contra as mulheres do adversário na disputa presidencial, o republicano Donald Trump.

O vídeo

A peça de campanha tem apenas 28 segundos e, enquanto exibe mulheres sempre de frente a um espelho, o áudio são frases de cunho preconceituoso proferidas por #Donald Trump.

“Eu olhei naquela cara gorda feia dela...”, diz Donald Trump, aparecendo no vídeo. Na sequência, o candidato à presidência da maior potência mundial não sai de cena e, enquanto uma menina com mochila está em frente ao espelho, Trump diz: “ela é uma puta”.

A imagem volta para ele, que diz em uma entrevista: “ela comeu como uma porca”.

Publicidade
Publicidade

Em outro áudio, o candidato afirma que “uma pessoa com seios pequenos não pode ser nota 10”.

“Se ela tem um corpo bonito? Não. Ela tem uma bunda gorda? Com certeza”, comenta o presidenciável, em uma entrevista que, pela qualidade do áudio, deve ter sido concedida a alguma emissora de rádio por telefone.

Quase no final do vídeo, é exibida uma entrevista antiga de Donald Trump. “Você trata mulheres com respeito?”, pergunta o entrevistador. “Não posso dizer isso”, diz sorrindo o hoje candidato à presidência dos Estados Unidos.

A última mensagem da peça de campanha é uma pergunta direta aos eleitores. “Este é o presidente que queremos para nossas filhas?”.

Eleição

A resposta se Donald Trump é o presidente que os norte-americanos querem para suas filhas será dada no dia 8 de novembro, uma terça-feira, data da eleição nos Estados Unidos.

Publicidade

Vale lembrar que no sistema político americano, apenas dois candidatos disputam a presidência. Nestas eleições, #hillary clinton, de 68 anos, mulher do ex-presidente Bill Clinton, é a candidata do Partido Democrata. Já o bilionário Donald Trump, de 70 anos, empresário influente nos Estados Unidos, é o candidato do Partido Republicano.

O vencedor substituirá o democrata Barack Obama, que foi eleito em novembro de 2008 e passou a governar no ano seguinte. Obama foi o candidato do seu partido porque Hillary desistiu de disputar a vaga com ele nas prévias do Partido Democrata. #Eleições EUA 2016