Normalmente não há quem consiga resistir ás tentadoras balas de goma. Na maioria das vezes, a guloseima costuma ser um doce gelatinoso. A bala de goma também costuma ser bastante apreciada em festas infantis. Entre os diversos tipos de balas destacam-se as com o formato de ursinho ou minhocas, responsáveis por fazer a alegria da criançada em festas infantis. Só que, nos últimos anos, muitas dessas balas foram proibidas na maioria das escolas canadenses devido ao uso de corantes em excesso, além da adição de xilitol uma substância química usada para prevenir as cáries.

Embora a bala de goma seja muito apreciada pelo mundo afora, boa parte das pessoas nem fazem ideia de como ela é produzida.

Publicidade
Publicidade

De acordo com documentário da cineasta belga Alina Kneepkens, um dos ingredientes-chave utilizados na bala é a gelatina, substância muito usada pela indústria alimentícia derivada do colágeno, substância de origem animal que é extraída durante a fervura de ossos ou gordura animal. Normalmente, o colágeno é extraído de porcos, vacas, galinhas entre outros.

Durante o processo, a matéria-prima vira uma espécie de gelatina incolor que, aparentemente, não apresenta cheiro. Após ser dissolvida em água é adicionado sobre esta gelatina uma grande quantidade de açúcar. A partir daí, essa mistura é fervida em caldeiras até formar uma espécie de massa. Na ocasião, também é adicionada a glucose, uma substância derivada do polissacarídeo que dará textura à gelatina. Todos os componentes são fervidos a uma temperatura de 110º C, por 10 a 15 minutos.

Publicidade

Durante a fervura, a maior parte da água encontrada na massa evapora tudo para proporcionar um aspecto mais consistente. Após todo o processamento, a massa é encaminhada para tanques, onde serão adicionados os corantes e aromatizantes. Já bastante consistente, a matéria-prima é encaminhada para tabuleiros onde ganhará uma forma.

Após serem soltas dos tabuleiros, as balas passam por vários tipos de acabamento. Na maioria das balas, é aplicada uma substância denominada de cera de carnaúba, que impossibilita que uma bala grude na outra. No final do processo, as balas são levadas para o setor de embalagens onde são embaladas e prontas para serem comercializadas. #balas de goma #Entretenimento #Curiosidades