O casal ficou conhecido em 2015, após a CNN escrever sobre a luta de Katie para conseguir um transplante de pulmão. Passaram então a ser chamados de o casal real de "A Culpa é das Estrelas", livro e filme que têm como protagonistas um casal com câncer.

Dalton e Katie morreram com cinco dias de diferença. Dalton, 25 anos, morreu no último sábado, 17, em um hospital em St Louis (EUA), em decorrência de uma infecção; Katie, 26 anos, morreu ontem, 22, em casa, devido a complicações da fibrose cística e de um transplante de pulmão.

O casal se conheceu no Facebook quando ambos tinham 18 anos e compartilharam a #Doença - fibrose cística.

Publicidade
Publicidade

Katie falou com o marido pelo FaceTime enquanto ele morria. Eles estavam longe um do outro - Dalton em St Louis e Katie no Kentucky. O jovem estava no hospital há duas semanas e esperava-se que ele se recuperasse o suficiente para viajar para encontrar com Katie no hospital em que ela estava.

"Ela disse que o amava. Não sabemos se ele a ouviu", disse Debra Donovan, mãe da jovem.

Após se conhecerem na rede social, o casal decidiu se encontrar pessoalmente, mesmo sendo alertados pelos médicos dos riscos que isso traria, já que ambos tinham Burkholderia cepacia, doença altamente contagiosa para aqueles que já sofrem com a doença. Eles se encontraram, apaixonaram-se e em 2011 decidiram se casar.

Sobre o #Relacionamento arriscado, Katie havia contado: "Eu disse a Dalton que eu preferia ser feliz - muito, muito feliz - por cinco anos da minha vida e morrer mais cedo do que ser mediocremente feliz e viver por 20 anos. Aquilo era algo que eu definitivamente tinha que pensar, mas quando você tem aqueles sentimentos, você apenas sabe."

Após se encontrarem pessoalmente, Katie foi diagnosticada com Burkholderia cepacia e ambos necessitaram de transplantes.

Publicidade

Depois, Dalton foi diagnosticado com linfoma, e recentemente, com a piora de seu estado, estava lutando contra uma pneumonia e uma infecção viral. Durante esse tempo, Katie estava entrando e saindo de um hospital, devido a problemas com seu transplante.

A última vez que o casal se encontrou foi em julho, para celebrar cinco anos de casamento.

Katie morreu em casa, cercada pela família e por seus animais de estimação. #Saúde