Apesar dos recém-nascidos serem pessoas de aparência jovial, o nascimento de um bebê no domingo (25), com fisionomia semelhante a de um idoso de idade avançada, tem despertado a curiosidade da população do distrito de Magura (Bangladesh).

De acordo com o jornal britânico Metro, a criança nasceu com uma rara condição que faz com que ela pareça um velho em um corpo de bebê.

Segundo o periodista responsável pela cobertura do caso, Richard Hartley Parkinson, médicos que participaram do parto do recém-nascido ficaram horrorizados com o semblante do menor.

Eles disseram que o garoto é portador de uma rara patologia chamada progeria (síndrome de Huntchinson-Gilford) – enfermidade genética encarregada pelo processo do envelhecimento precoce nos primeiros dias de vida das crianças.

Publicidade
Publicidade

O menino - de apenas quatro dias de vida -, apresenta rugas em excesso na face, além de corpo encolhido e olhos ‘castigados pelo tempo’.

De acordo com o clínico à frente do tratamento do bebê (nome não informado), ao contrário dos recém-nascidos de pele macia, a excêntrica criança de Bangladesh apresenta uma pele áspera, análoga a epiderme dos idosos.

Apesar da inusitada aparência do filho, o pai Biswajit Patro, que é agricultor e homem de muita fé, comemora o nascimento da criança por acreditar se tratar de ‘milagre’.

Ele, que diz ser indiferente às esquisitas características físicas do menor, celebra o nascimento. “Nós só podemos agradecer a Deus. Não há nenhum motivo para ser infeliz com a aparência do meu filho. Vamos aceitá-lo como ele é”, comemora.

‘Celebridade’ da cidade

Embora só tenha quatro dias de vida, a criança nascida no domingo já desperta admiração e curiosidade dos habitantes de Magura.

Publicidade

Conforme Biswajit e sua esposa, Parul Patro, todos os dias diversas pessoas vão à residência do casal para observar o emblemático recém-nascido, que já começa a ser tratado como uma espécie de ‘criatura mística’ pelo povo daquele país.

"Temos recebido um grande número de visitantes. Parentes, vizinhos e até mesmo pessoas de aldeias vizinhas vieram ver nosso filho. Estamos felizes em hospedá-los", confidencia Biswajit.

O casal, que também tem uma filha, nutre esperança de o bebê reverter a doença, ao acreditar que no futuro ele será uma pessoa saudável.

Porém, médicos envolvidos no tratamento do garoto admitem não saber qual o melhor método a ser empregado no combate à patologia.

No momento, a #Medicina não é capaz de reverter os sintomas da progeria. Contudo, atualmente existem algumas terapias que fazem uso de diversas drogas para retardar o processo da enfermidade.

#Mídia #Curiosidades