Antigamente era tão difícil registrar os momentos vividos e, conseguir um #Vídeo ou mesmo uma foto, era, às vezes, missão quase impossível. Muitas pessoas nascidas há alguns anos, da década de 80 para lá, não têm nem uma fotinho sequer de quando eram crianças para relembrar, ou mesmo de parentes ou amigos que já se foram deste mundo.

Mas uma coisa é fato: depois que os celulares se atualizaram e passaram a vir com a função de câmera, nada mais passa em branco, e toda e qualquer situação, por mais corriqueira que seja, é fotografada e filmada, e, muitas vezes, colocada nas redes sociais e as imagens acabam ganhando o mundo todo.

Publicidade
Publicidade

Imaginem só quando se trata de uma briga entre a #esposa traída e a #Amante...com certeza torna-se um prato cheio para o mundo virtual.

Um vídeo que registra uma confusão entre três mulheres se espalhou pelas redes sociais chinesas. O flagrante foi registrado por um funcionário de um restaurante na cidade de Beijing, onde uma dessas mulheres é espancada pelas outras duas, supostamente por ciúmes e raiva, pela mesma ter um caso amoroso com os maridos delas.

Pelas imagens, é possível verificar que a 'amante' fica o tempo todo no chão, sem nenhuma reação, sendo agredida pelas esposas furiosas. A agredida tenta apenas proteger o seu rosto, enquanto uma mulher a agredia com chutes e a outra batia nela com uma bolsa e rasgava a sua roupa. 

O vídeo se espalhou na China, como sendo o de uma amante que apanhava de duas esposas traídas e furiosas, mas não foram divulgadas as identidades das envolvidas na confusão.

Publicidade

Toda a cena é assistida por outra mulher, que seria funcionária do estabelecimento, e não faz nada para separar a briga. Nas imagens aparece também um homem, que faz um esforço mínimo, para encerrar a sessão de agressões.

Mas é preciso frisar que nem sempre o fato de ter um celular às mãos, para registrar as situações que aparecem, é ruim. Muitas vezes, essas imagens podem servir como prova de um crime, como no caso do vídeo que se espalhou pelas redes sociais brasileiras, onde uma mulher é agredida verbalmente e vítima de racismo em uma praia do Rio de Janeiro.