E se a queda das Torres Gêmeas não tivesse sido um #Atentado terrorista planejado por Bin Laden, mas, sim, uma encenação dos próprios americanos? É isso que o mais recente vídeo sobre o tema está tentando provar. Quatro engenheiros criaram uma teoria da conspiração, alegando que os aviões não poderiam nunca derrubar as torres do World Trade Center e que, apenas uma coisa poderia ter acontecido: os americanos  explodiram as próprias torres. A dias de completar quinze anos de um dos momentos mais chocantes da história, uma nova teoria está se tornando viral com esse vídeo no Youtube. 

Foi a 11 de setembro de 2001 que o mundo se uniu com a  dor dos americanos, após dois aviões terem, alegadamente, derrubado um dos seus principais símbolos, destruindo o World Trade Center e milhares de vidas.

Publicidade
Publicidade

O #Terrorismo começava sendo falado nessa altura e o tema dos atentados terroristas se tornou cada vez mais comum. 

Teoria da conspiração?

Os engenheiros Steven Jones, Robert Korol, Anthony Szamboti e Ted Walter são os homens por trás de uma nova teoria da conspiração. No Youtube, está circulando um vídeo mostrando a diferença entre edifícios que caem com uma explosão que acontece sem preparação ou com uma planejada. Ora, a ideia desses homens é provar que a queda das torres gêmeas foi com uma explosão controlada, ou seja, planejada e combinada. Tudo isso, significaria que o 11 de setembro poderia não ter passado de uma farsa, encenada pelos americanos, liderados pelo presidente Bush. 

Esta teoria vem contrapor, por completo, uma investigação de 2012, que tinha concluído que as torres tinham caído por causa do incêndio que deflagrou logo após o choque dos aviões.

Publicidade

Mas, também aí, os engenheiros que criaram a nova teoria têm uma ajuda bem antiga. Em 1993, John Skilling, um renomado engenheiro do World Trade Center falou que os edifícios estavam tão fortes e tão bem estruturados que poderiam até aguentar com a força de um avião batendo. Poderia morrer gente no incêndio, mas o edifício jamais cairia. 

Os engenheiros acreditam que o fogo nunca poderia fazer ruir o aço do edifício e também que as torres estariam preparadas para não deixarem o fogo atingir uma temperatura tão alta, que fosse suficiente para destruir o aço. Por isso mesmo, esses homens estão tentando provar que a explosão e, consequente queda, foi controlada por alguém.

Se recorde que a queda das torres gêmeas americanas fez 2.996 mortos e seis mil feridos. No próximo domingo (11), completam quinze anos dessa tragédia, que emocionou o mundo. 

Assista ao vídeo com a nova teoria:

#EUA