Caçadores de fantasmas foram surpreendidos com uma assustadora manifestação fantasmagórica durante uma noite de investigação em uma casa situada na cidade de Pontefract (Inglaterra).

Segundo informações do periódico britânico Express, edição de terça-feira (11), o episódio aconteceu em 2 de outubro, quando um grupo de investigadores de atividades paranormais, liderado por Steve Archibald, 36 anos, e por sua esposa Carrie, passou a noite no local para investigar a presença de um suposto espírito que eles acreditam ser de um monge.

Pesquisadores relatam que uma família, conhecida pelo sobrenome Pritchard, passou anos sendo aterrorizada pelo fantasma do ‘Monge Negro de Pontefract’.

Publicidade
Publicidade

Durante o horripilante efeito poltergeist, gravado por uma câmera fixa em frente à escadaria, é possível observar que um carrinho de bebê, próximo aos degraus, parece ser empurrado em direção às escadas por alguma ‘força invisível’.

Porém, no momento do bizarro acontecimento, os investigadores estavam em outro cômodo. Somente após ouvirem o barulho do objeto acidentado nas escadarias, eles percebem o que havia acontecido.

De acordo com o Express, pesquisadores que estavam determinados a passar a noite na residência, se sentiram ameaçados pelo assombroso efeito poltergeist captado pela câmera da equipe.

Após o episódio, alguns membros decidiram dormir em um hotel nas proximidades da rua 30 East Drive, onde a casa está localizada.

Conforme o relato de Steve Archibald, quando o carrinho de criança caiu sobre as escadas, a equipe estava “na mais completa escuridão”.

Publicidade

Eles foram guiados pelo barulho.

O sujeito, que diz acreditar ter visto o ‘demônio’ nas escadas, avalia ser improvável que o objeto tenha se mexido sozinho. Ele acredita que o hipotético Monge Negro seja o responsável. “Definitivamente [não] havia ninguém lá em cima. Há muita atividade poltergeist lá”, fala Archibald.

Monge Negro

Segundo a lenda em torno do fantasma, um monge que teria vivido no século XVI foi acusado de estuprar e matar uma menina (idade não informada). Como punição pelo crime cometido, ele foi enforcado próximo à casa.

Todavia, a fama de mal-assombrada teria início somente na década de 1960. À época, Diane Pritchard, 14 anos, disse que o Monge Negro havia puxado seus cabelos e a arrastado pelas escadas onde o carrinho infantil foi jogado.

Veja as imagens abaixo, se tiver coragem.

 

#Curiosidades #Viral #Internet